Página Inicial / Animação Litúrgia (Página 30)

Animação Litúrgia

Solenidade da Santa Mãe de Deus Maria

ANO XXII - N.° 1307 (cor branca ou dourada) - ANO B - 01/01/2012
SOLENIDADE DA SANTA MÃE DE DEUS, MARIA
POR MARIA, DEUS NOS DÁ SUA GRAÇA E SUA BÊNÇÃO
Dia Mundial da Paz
Irmãos e irmãs, é com grande alegria que nos reunimos para celebrar o mistério de nossa fé nesta Solenidade da Santa Mãe de Deus, ela que participou da vinda do Salvador e nos deu como dom mais sublime Jesus, o Príncipe da Paz. Também neste dia sob o olhar e a bênção do Senhor, iniciamos um ano novo com a esperança de uma vida melhor para todos

Leia Mais....

Domingo dia 23 de janeiro

ANO XXI - 1249 (cor verde) - ANO A - 23/01/2011- 3º DOMINGO DO TEMPO COMUM
O POVO QUE VIVIA NAS TREVAS VIU UMA GRANDE LUZ (Mt 4,16)
Irmãos e irmãs, sejam todos bem-vindos à casa de nosso Deus Uno e Trino. Nos reunimos à luz do ressuscitado para celebrar a nossa fé e a nossa vida cheia de alegria e esperança. Neste domingo Jesus se apresenta como luz e salvação para o mundo. Iniciando sua missão, Ele nos convida a segui-Lo assim como fez São Paulo, cuja festa de sua conversão comemoramos no próximo dia 25

Leia Mais....

O Batismo de Jesus

O Batismo de Jesus
A Festa do Batismo do Senhor, celebrada no Domingo depois da Epifania encerra o ciclo das Festas da Manifestação do Senhor, o ciclo de Natal. Comemoramos o Batismo de Jesus por São João Batista nas águas do rio Jordão. Sem ter mancha alguma que purificar, Jesus quis submeter-se a esse rito tal como se submetera às demais observâncias legais que também não o obrigavam.
O Senhor desejou ser batizado, diz Santo Agostinho, “para proclamar com a sua humildade o que para nós era uma necessidade”. Com o batismo de Jesus, ficou preparado o Batismo cristão, diretamente instituído por Jesus Cristo e imposto por Ele como lei universal no dia da sua Ascensão: Todo poder me foi dado no céu e na terra, dirá o Senhor; ide, pois, ensinai a todos os povos, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo (Mt 28, 18-19).

Leia Mais....

Festa do Batismo do Senhor

A Festa do Batismo do Senhor fecha o ciclo litúrgico do Natal. Ela faz a transição para a primeira parte do Tempo Comum que iniciaremos logo a seguir. Nesta festa (09 de janeiro), revivemos e reanimamos nosso dom batismal que nos tornou filhos e filhas amados do Pai e nos fez olhar os outros como irmãos, formando a grande família de Deus.

Leia Mais....

A Igreja celebra a Epifania

ENCONTRO – CONVERSÃO – MISSÃO
A Igreja celebra a Epifania, isto é, a manifestação do Senhor ao mundo inteiro. Os Magos representam os povos de todas as línguas e nações que se põem a caminho, chamados por Deus, para adorar Jesus (cf. Mt 2, 1-12).Nos Reis Magos, vemos milhares de almas de toda a terra que se procuram o Senhor para adorará-Lo. Passaram-se vinte séculos desde aquela primeira adoração, e esse longo desfile do mundo inteiro continua chegando a Cristo.A festa da Epifania incita todos os fiéis a partilharem dos anseios e fadigas da Igreja, que “ora e trabalha ao mesmo tempo, para que a totalidade do mundo se incorpore ao Povo de Deus, Corpo do Senhor e Templo do Espírito Santo” (LG 17). Nós podemos ser daqueles que, estando no mundo, imersos nas realidades temporais, viram a estrela de uma chamada de Deus e são portadores dessa luz interior que se acende em consequência do trato diário com Jesus. Sentimos, pois, a necessidade de fazer com que muitos indecisos ou ignorantes se aproximem do Senhor e purifiquem a sua vida.

Leia Mais....

Solenidade da Epifania do Senhor

A Solenidade da Epifania celebra a manifestação do Messias ao mundo, lembrando a adoração do Menino Jesus pelos Magos. Os Magos aceitam pela fé a revelação de Deus sobre o Messias Jesus, ao passo que Herodes quer matá-Lo. Eles souberam ver em Jesus o Menino Deus e sua fé valeu-lhes um privilégio: serem os primeiros entre os gentios a adorá-Lo. Grande deve ter sido a alegria deles em contemplar o Messias: “E, entrando na casa, viram o Menino com Maria, sua Mãe, e prostrando-se o adoraram”. (Mt 2,11) O Evangelho da Epifania confirma o prólogo de São João. A Palavra de Deus, Jesus Cristo, é a luz verdadeira (cf. Jo 1,9), que ilumina e liberta todas as pessoas. Encontrar aí a “dimensão universal da obra de Jesus”, que acontece por sua “encarnação” no mundo, lugar que os Magos encontraram pela orientação de conhecedores das promessas

Leia Mais....