Página Inicial / Animação Litúrgica / SEXTO DOMINGO DA PÁSCOA

SEXTO DOMINGO DA PÁSCOA

O ESPÍRITO DE JESUS ANIMA E SUSTENTA  A VIDA DA COMUNIDADE
21 de maio de 2017
SEXTO DOMINGO DA PÁSCOA – ANO A
Cor Litúrgica: Branco
A.: Meus irmãos, impulsionados pelo Espírito Santo, o doce Consolador de nossas almas, nós queremos, no partir do Pão, celebrar a fé e a esperança que fazem arder os nossos corações. Iniciemos a nossa celebração.
RITOS INICIAIS
1. CANTO DE ENTRADA – R.: CRISTO VENCEU, ALELUIA! RESSUSCITOU, ALELUIA! O PAI LHE DEU GLÓRIA E PODER, EIS NOSSO CANTO, ALELUIA! / 1. Este é o dia em que o amor venceu, brilhante luz iluminou as trevas, nós fomos salvos para sempre! / 2. Suave aurora veio anunciando que nova era foi inaugurada, nós fomos salvos para sempre!/ 3. No coração de todo homem nasce a esperança de um novo tempo, nós fomos salvos para sempre!
2. SAUDAÇÃO DO CELEBRANTE – P.: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. TODOS: AMÉM. P.: Irmãos eleitos segundo a presciência de Deus Pai, pela santificação do Espírito para obedecer a Jesus Cristo e participar da bênção da aspersão do seu sangue, graça e paz vos sejam concedidas abundantemente. TODOS: BENDITO SEJA DEUS, QUE NOS REUNIU NO AMOR DE CRISTO.
3. ATO PENITENCIAL – P.: O Senhor disse: “Quem dentre vós estiver sem pecado, atire a primeira pedra”. Reconheçamo-nos todos pecadores e perdoemo-nos mutuamente do fundo do coração. (pausa). P.: Senhor, que na água e no Espírito nos regenerastes à vossa imagem, tende piedade de nós. TODOS: Senhor, tende piedade de nós. P.: Cristo, que enviais o vosso Espírito para criar em nós um coração novo, tende piedade de nós. TODOS: Cristo, tende piedade de nós. P.: Senhor, que nos tornastes participantes do vosso Corpo e do vosso Sangue, tende piedade de nós. TODOS: Senhor, tende piedade de nós. P.: Deus todo-poderoso tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna. TODOS: AMÉM.
4. HINO DE LOUVOR – Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens por Ele amados! Senhor Deus, Rei dos céus, Deus Pai todo-poderoso: nós Vos louvamos, nós Vos bendizemos, nós Vos adoramos, nós Vos glorificamos, nós Vos damos graças por Vossa imensa glória! Senhor Jesus Cristo, Filho Unigênito, Senhor Deus, Cordeiro de Deus, Filho de Deus Pai. Vós que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós! Vós que tirais o pecado do mundo, acolhei a nossa súplica! Vós que estais à direita do Pai, tende piedade de nós! Só Vós sois o Santo, só Vós o Senhor, só Vós o Altíssimo, Jesus Cristo, com o Espírito Santo, na glória de Deus Pai. Amém.
5. ORAÇÃO DO DIA – P.: OREMOS: (Pausa) – Deus todo-poderoso, dai-nos celebrar com fervor estes dias de júbilo em honra do Cristo ressuscitado, para que nossa vida corresponda sempre aos mistérios que recordamos. Por nosso Senhor Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. TODOS: AMÉM.
LITURGIA DA PALAVRA
A.: Caros irmãos, o Senhor continua conosco na Igreja, na comunidade e na Eucaristia. Ouçamos atentamente a Palavra de hoje.
6. 1ª LEITURA (At 8, 5-8.14-17) – Leitura dos Atos dos Apóstolos. Naqueles dias, 5Filipe desceu a uma cidade da Samaria e anunciou-lhes o Cristo. 6As multidões seguiam com atenção as coisas que Filipe dizia. E todos unânimes o escutavam, pois viam os milagres que ele fazia. 7De muitos possessos saíam os espíritos maus, dando grandes gritos. Numerosos paralíticos e aleijados também foram curados. 8Era grande a alegria naquela cidade. 14Os apóstolos, que estavam em Jerusalém, souberam que a Samaria acolhera a Palavra de Deus, e enviaram lá Pedro e João. 15Chegando ali, oraram pelos habitantes da Samaria, para que recebessem o Espírito Santo. 16Porque o Espírito ainda não viera sobre nenhum deles; apenas tinham recebido o batismo em nome do Senhor Jesus. 17Pedro e João impuseram-lhes as mãos, e eles receberam o Espírito Santo. Palavra do Senhor. TODOS: GRAÇAS A DEUS.
7. SALMO RESPONSORIAL – (DO SALMO 22/23) R.: ACLAMAI O SENHOR DEUS, Ó TERRA INTEIRA! CANTAI SALMOS A SEU NOME GLORIOSO./ 1. Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira, cantai salmos a seu nome glorioso! Dai a Deus a mais sublime louvação! Dizei a Deus: “Como são grandes vossas obras!” Toda a terra vos adore com respeito e proclame o louvor de vosso nome! Vinde ver todas as obras do Senhor: seus prodígios estupendos entre os homens!/ 2. O mar ele mudou em terra firme e passaram pelo rio a pé enxuto. Exultemos de alegria no Senhor; Ele domina para sempre com poder!/ 3. Todos vós que a Deus temeis, vinde escutar: vou contar-vos todo bem que ele me fez! Bendito seja o Senhor Deus que me escutou não rejeitou minha oração e meu clamor nem afastou longe de mim o seu amor!
8. 2ª LEITURA (1Pd 3,15-18) – Leitura da Primeira Carta de São Pedro.
Caríssimos: 15Santificai em vossos corações o Senhor Jesus Cristo, e estai sempre prontos a dar razão da vossa esperança a todo aquele que vo-la pedir. 16Fazei-o, porém, com mansidão e respeito e com boa consciência. Então, se em alguma coisa fordes difamados, ficarão com vergonha aqueles que ultrajam o vosso bom procedimento em Cristo. 17Pois será melhor sofrer praticando o bem, se esta for a vontade de Deus, do que praticando o mal. 18Com efeito, também Cristo morreu, uma vez por todas, por causa dos pecados, o justo, pelos injustos, a fim de nos conduzir a Deus. Sofreu a morte, na sua existência humana, mas recebeu nova vida pelo Espírito. Palavra do Senhor. TODOS: GRAÇAS A DEUS.
9. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO – R.: ALELUIA, ALELUIA, ALELUIA!/ Quem me ama realmente guardará minha palavra e meu Pai o amará, e a ele nós viremos.
10. EVANGELHO – (Jo 14, 15-21) – P.: O Senhor esteja convosco. TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. P.: Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João. TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR!
P.: Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: 15Se me amais, guardareis os meus mandamentos, 16e eu rogarei ao Pai, e ele vos dará um outro Defensor, para que permaneça sempre convosco: 17o Espírito da Verdade, que o mundo não é capaz de receber, porque não o vê nem o conhece. Vós o conheceis, porque ele permanece junto de vós e estará dentro de vós. 18Não vos deixarei órfãos. Eu virei a vós. 19Pouco tempo ainda, e o mundo não mais me verá, mas vós me vereis, porque eu vivo e vós vivereis. 20Naquele dia sabereis que eu estou no meu Pai e vós em mim e eu em vós. 21Quem acolheu os meus mandamentos e os observa, esse me ama. Ora, quem me ama, será amado por meu Pai, e eu o amarei e me manifestarei a ele. Palavra da Salvação. TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR!
11. HOMILIA
12. PROFISSÃO DE FÉ – Creio em Deus Pai, todo-poderoso, Criador do céu e da terra, e em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria, padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; desceu à mansão dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos céus, está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso, donde há de vir a julgar os vivos e os mortos. Creio no Espírito Santo, na Santa Igreja Católica, na comunhão dos Santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da carne, na vida eterna. Amém.
13. ORAÇÃO DOS FIÉIS – P.: Irmãos e irmãs, roguemos a Cristo, nosso Senhor, que iluminou o mundo com a glória da Sua ressurreição, e digamos: Cristo, nossa vida, ouvi-nos!
TODOS: CRISTO, NOSSA VIDA, OUVI-NOS!
1) Pelo Santo Padre, o Papa Francisco, e por todos os sacerdotes da Santa Igreja de Deus, para que, iluminados pelo Espírito Santo, anunciem a todas as nações o Evangelho da Verdade, da justiça e da fraternidade, rezemos ao Senhor.
TODOS: CRISTO, NOSSA VIDA, OUVI-NOS!
2) Por todos os cristãos que enfrentam dificuldades em viver e testemunhar sua fé, para que o Espírito Santo os ilumine e fortaleça no serviço do Evangelho, rezemos ao Senhor.
TODOS: CRISTO, NOSSA VIDA, OUVI-NOS!
3) Por todos nós aqui reunidos, para que o Paráclito, enviado pelo Pai e pelo Filho, nos fortaleça na vivência da misericórdia e no testemunho da Boa Nova da Salvação, rezemos ao Senhor.
TODOS: CRISTO, NOSSA VIDA, OUVI-NOS!
4) Pelos jovens do nosso país, para que tenham uma boa formação e possam enfrentar o futuro com esperança e fé em Deus, rezemos ao Senhor.
TODOS: CRISTO, NOSSA VIDA, OUVI-NOS!
(Preces Espontâneas)
P.: Deus de amor e nosso Pai, ouvi hoje a oração dos Vossos filhos que celebram a ressurreição de Jesus Cristo, e fazei que o dom do Vosso Espírito guarde em nós a memória sempre viva do que Ele disse e ensinou aos Seus discípulos. Ele que é Deus convosco, na unidade do Espírito Santo.
TODOS: AMÉM.
LITURGIA EUCARÍSTICA
14. CANTO DE OFERTAS – R.: CRISTO É O DOM DO PAI QUE SE ENTREGOU POR NÓS. ALELUIA, ALELUIA! BENDITO SEJA O NOSSO DEUS!/ 1. Dai graças a Deus, pois Ele é bom; Eterno por nós é seu amor./ 2. Coragem e força Ele nos dá, fazendo-se nosso Salvador./ 3. Eu não morrerei, mas viverei. E, assim, louvarei o meu Senhor.
15. P.: Orai, irmãos e irmãs…
16. ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS – P.: Subam até vós, ó Deus, as nossas preces com estas oferendas para o sacrifício, a fim de que, purificados por vossa bondade, correspondamos cada vez melhor aos sacramentos do vosso amor. Por Cristo, nosso Senhor. TODOS: AMÉM.
17. ORAÇÃO EUCARÍSTICA II – Prefácio da Páscoa II: A vida nova em Cristo – MR (P.422)-
18. RITO DA COMUNHÃO
19. CANTO DE COMUNHÃO – R.: O PÃO DA VIDA, A COMUNHÃO, NOS UNE A CRISTO E AOS IRMÃOS. E NOS ENSINA A ABRIR AS MÃOS PARA PARTIR, REPARTIR O PÃO. (BIS) / 1. Lá no deserto a multidão com fome segue o Bom Pastor. Com sede busca a Nova Palavra: Jesus tem pena e reparte o pão./ 2. Na Páscoa Nova da Nova Lei, quando amou-nos até o fim, partiu o pão, disse: “Isto é meu corpo por vós doado: tomai, Comei”./ 3. Se neste pão, nesta comunhão, Jesus por nós dá a própria vida, vamos também repartir os dons, doar a vida por nosso irmão./ 4. Onde houver fome, reparte o pão e tuas trevas hão de ser luz; encontrarás Cristo no irmão, serás bendito do Eterno Pai./ 5. Abri, Senhor, estas minhas mãos, que para tudo guardar se fecham. Abri minh’alma, meu coração, para doar-me no eterno dom.
20. ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO – P.: OREMOS: (Pausa) Deus eterno e todo-poderoso, que, pela ressurreição de Cristo, nos renovais para a vida eterna, fazei frutificar em nós o sacramento pascal, e infundi em nossos corações a força desse alimento salutar. Por Cristo, nosso Senhor. TODOS: AMÉM.
21. ORAÇÃO JUBILAR 300 ANOS DE BÊNÇÃOS
Senhora Aparecida, Mãe Padroeira, em vossa singela imagem, há 300 anos aparecestes nas redes dos três benditos pescadores no Rio Paraíba do Sul. Como sinal vindo do céu, em vossa cor, vós nos dizeis que para o Pai não existem escravos, apenas filhos muito amados. Diante de vós, embaixadora de Deus, rompem-se as correntes da escravidão! Assim, daquelas redes, passastes para o coração e a vida de milhões de outros filhos e filhas vossos. Para todos tende sido bênção: peixes em abundância, famílias recuperadas, saúde alcançada, corações reconciliados, vida cristã reassumida. Nós vos agradecemos tanto carinho, tanto cuidado! Hoje, em vosso Santuário e em vossa visita peregrina, nós vos acolhemos como mãe, e de vossas mãos recebemos o fruto de vossa missão entre nós: o vosso Filho Jesus, nosso Salvador. Recordai-nos o poder, a força das mãos postas em prece! Ensinai-nos a viver vosso jubileu com gratidão e felicidade! Fazei de nós, vossos filhos e filhas, irmãos e irmãs de nosso irmão Primogênito, Jesus Cristo. Amém!
RITOS FINAIS
22. BREVES AVISOS
23. BÊNÇÃO FINAL

Preparando a Partilha da Palavra
Na liturgia de hoje Jesus continua a reflexão sobre o discurso na Última Ceia. Os discípulos, sem muito entender tudo o que lhes falava, começam a entristecer-se. Jesus, então, passa a dar-lhes a garantia de uma nova maneira de estar presente na vida deles. Promete-lhes não só estar Ele mesmo presente, como também o Pai e o Espírito Santo, para que não se sintam órfãos, nem  abandonados. O defensor prometido por Jesus é o Espírito Santo, e viver no Espírito é ser capaz de recriar hoje a prática de Jesus, tornando sua proposta sempre atraente e atual. Jesus diz a seus discípulos que quem o ama guarda seus mandamentos. Jesus já havia dito aos discípulos que lhes dava um novo mandamento: amem-se uns aos outros. E mais, Jesus mesmo se apresentava como a medida desse amor: como eu os amei, vocês devem amar uns aos outros. É essa prática do amor de Jesus que garante a identidade dos seus seguidores – nisto todos reconhecerão que vocês são meus discípulos: no amor que tiverem uns pelos outros (Jo 13, 34-35). Lucas, por meio dos Atos dos Apóstolos, deixa claro que a Igreja é a continuadora da obra de Jesus. Filipe é apresentado como aquele que entendeu bem a mensagem: vencendo os preconceitos e as fronteiras, sai de Jerusalém e vai evangelizar a Samaria. Aceitar Jesus é o passo necessário para receber o Espírito Santo e transformar-se no seu verdadeiro discípulo. A comunidade dos primeiros, depois da ressurreição de Jesus, precisava da convicção de que Ele continuava presente na caminhada para enfrentar as adversidades históricas. É na vivência maior do amor que eles se fortalecem e criam condições de rememorar as promessas e perceber seu pleno cumprimento. Jesus está no Pai, mas ambos nos enviaram um advogado para nos defender de todas as acusações, de todas as difamações. Isto, porém, não nos livra de ter que carregar a cruz, consequência de quem opta pela justiça em um mundo marcado pela exploração, corrupção e impunidade. A prática do amor reforça em nós a certeza de que não estamos sós, pois ele caminha conosco e é a razão maior de nossa alegria, de nossa esperança! A Igreja continua na história a revelar que Deus é amor. Fazer conhecer esse amor, difundir esse amor: é a nossa missão.

LEITURAS DA SEMANA
Seg.: At 16, 11-15; Sl 149; Jo 15, 26-16,4a. Sta Rita de Cássia Rlg, MFac.
Ter.: At 16,22-34; Sl 137 (138); jo 16,5-11.
Qua.: At 17, 15.22-18,1; Sl 148; Jo 16, 12-15.
Qui.: At 18, 1-8 Sl 97 (98); Jo 16, 16-20; S, Gregório VII Pp; Sta Maria Madalena de Pazzi Vg. S. Beda Venerável Presb, MFac.
Sex.: At 18, 9-18; Sl 46; Jo 16, 20-23a.S. Filipe Neri Presb., Mem.
Sáb.: At 18, 23-28; Sl 46 (47); Jo 16, 23b-28; Santo Agostinho de Cantuária B,MFac
Segunda Semana do Saltério
Sexto Domingo da Páscoa

Você pode Gostar de:

30º Domingo do Tempo Comum(29.10)

“AMARÁS O SENHOR TEU DEUS E A TEU PRÓXIMO COMO A TI MESMO” Dia Nacional …