Página Inicial / Artigos Padres da Arquidiocese / Liturgia – Domingo da Ascensão 13.05.2018

Liturgia – Domingo da Ascensão 13.05.2018

“HOMENS DA GALILEIA POR QUE FICAIS AQUI PARADOS!”
1.Acolhida 
Festa da Ascensão de Jesus ao céu, para junto do Pai, na glória celestial. Hoje, tem início oficial a missão da Igreja de anunciar Jesus a todos os povos da terra. Jesus subiu aos céus e a Igreja precisa alcançar e evangelizar a todos os povos!

Jesus não abandonou a sua Igreja porque subiu aos céus! Ele disse: “Eis que estou convosco todos os dias, até o fim dos tempos!” (Mt 28,20).

Na semana que se inicia, recordamos o “O Dia da Comunicação”, e a “Semana de Oração para a Unidade dos Cristãos!” Temos bons motivos para celebrar com alegria e esperança a Santa Missa.

2.Palavra de Deus
At 1,1-11 – Passados 40 dias, Jesus deu instruções aos discípulos e elevou-se aos céus para junto do Pai na glória celestial.

Ef 1,17-23 – A Igreja precisa da luz do Espírito Santo para conhecer quem é mesmo Jesus ressuscitado e qual é nossa dignidade e qual é mesmo a Missão, deixadas por Jesus a seus discípulos. Ficou para nós a missão de construir a Igreja “Corpo de Cristo”, do qual Ele é a cabeça.

Mc 16,15-23 – Subindo aos céus, Jesus não deixou a Igreja órfã: Deu-lhe o Espírito Santo e a certeza de sua presença até o final dos tempos. Mas, seus discípulos precisam sair pelos caminhos do mundo anunciando-O como Senhor, Juiz e Salvador.

3.Reflexão.
Agora, o Caminho da Igreja é Jesus, que o Pai ressuscitou e glorificou à sua direita na glória celestial. Ele esteve entre nós “escondendo” sua divindade na humanidade assumida no seio da Virgem Maria e foi humilhado até a morte ignominiosa na cruz! Mas o Pai o glorificou sentando-o à sua direita nos céus.

Os homens não conseguiram anular o seu “Plano Divino de Salvação”, porque o Pai manifestou sua força, quando o ressuscitou dos mortos e o fez sentar-se à sua direita nos céus… Agora, Ele não é mais o escravo, mas sim o Senhor, o Juiz e o Salvador!

A Igreja tem que pôr-se na estrada percorrendo os caminhos do mundo à procura dos sedentos de Deus, dos descartados da vida e dos afastados da Igreja! Na ascensão apareceram dois anjos, vestidos de branco, perguntando aos discípulos de Jesus: “Homens da Galiléia, porque ficais aqui, parados, olhando para os céus?” A Igreja não pode ficar parada contemplando o céu e recordando o passado! E esta repreensão continua válida para nosso tempo: Não podemos ficar rezando em casa, no interior de nossas igrejas. Precisamos sair pelos caminhos do mundo e anunciar a todos que Jesus é o Senhor, o Juiz e o Salvador. O tempo é urgente e todos devemos ser discípulos missionários de Jesus. Quem não tem espírito e prática missionária, não é discípulo de Jesus.

A Ascensão de Jesus ao céu não nos convida a olhar para o alto, mas para o chão, para o mundo que precisa ser conquistado para Jesus. A Missão da Igreja, hoje, é continuar as caminhadas de Jesus pelas estradas do mundo. De acordo com o espírito franciscano, devemos ser contemplativos na ação, na missão libertadora do homem e do universo para Cristo.

“Ide por todo mundo e fazei discípulos meus todos os povos!”

Frei Carlos zagonel

http://www.paroquiansacoxipo.com.br/conteudo.php?sid=44&cid=5101

Você pode Gostar de:

Aniversário Rádio Difusora (Missa em Ação de Graças e jantar Cuiabano)

No dia 23 de agosto de 2018, a Rádio Difusora Bom Jesus de Cuiabá comemora …