Página Inicial / Artigos Padres da Arquidiocese / Liturgia – 22º Domingo Comum 01.09.2019

Liturgia – 22º Domingo Comum 01.09.2019

“Convida os pobres…Porque eles não têm como te retribuir o convite . E tu receberás a recompensa na ressurreição dos justos!”

1.Acolhida
Para entender o Evangelho precisamos ter o coração transformado: “Recria, Senhor, o meu coração”! Sem um coração renovado, recriado, o Evangelho se torna um desafio incompreensível, uma proposta de vida própria para anjos celestiais! O ser humano, prejudicado pelo pecado das origens, é egoísta ao extremo! Jesus veio para renovar o ser humano, restituindo-lhe a semelhança divina – “Deus criou o homem à sua imagem e semelhança”! (Gn 1,26).
O “Mundo do Mercado cria o homem egoísta, insensível ao sofrimento humano, adorador do dinheiro, da ocupação dos primeiros lugares e do “levar vantagem em tudo!” Neste ser humano moderno não entra o espírito do Evangelho! É um mundo feito à imagem e semelhança de satanás!
Cria em mim, Senhor, um coração novo para que eu possa entender a tua proposta e possa aceitar o desafio de teu Evangelho! Disse Jesus a seus discípulos espantados: “Filhinhos, como é difícil um rico entrar no Reino de Deus! É mais fácil um camelo passar pelo buraco de agulho do que um rico entrar no Reino de Deus!” (Mc 10,24-26). Deus pode salvar um rico, mas precisa recriar seu coração!

2.Palavra de Deus
Eclo 3,19-21.30-31 – Os caminhos de Deus são de humildade e mansidão, pois, Deus revela sua sabedoria aos pobres e aos humildes! “Para o orgulhoso não existe remédio, pois uma planta de pecado está enraizada nele e ele não compreende!” Para os humildes está reservada a sabedoria!
Hb 12,18-19.22-24 – O Povo de Israel teve medo de Deus que se revelou no Monte Sinai; mas o novo Povo de Deus se aproxima do Monte Sião e da cidade de Deus vivo, a Jerusalém celeste, da reunião festiva de milhões de anjos…”. Deus mudou de pedagogia, mas não mudou a mensagem salvadora!
Lc 14,1.7-14 – Num mundo de ambições incontidas, Jesus prescreve a política do “do último lugar!” No pensar de Jesus o humilde não é ambicioso, mas é agradecido por tudo o que recebe de Deus. Não é invasor de primeiros lugares, mas é um agradecido pelo convite recebido!

3.Reflexão
A sabedoria é reservada aos pobres que meditam a Palavra de Deus; esta verdade machuca o coração dos ricos e bem sucedidos na vida! Jesus anunciou a Palavra de Deus a todo mundo, mas sua preferência era para os pobres e pequenos, para os doentes, aflitos, empobrecidos pelo excesso de impostos e para os descartados da vida social!

Frei Carlos Zagonel

Você pode Gostar de:

Campanha da Fraternidade CNBB 2020

Campanha da Fraternidade 2020: CNBB disponibiliza vídeo para as comunidades. Foi divulgado o vídeo oficial …