Página Inicial / Animação Litúrgica / 27º Domingo do Tempo Comum(06.10)

27º Domingo do Tempo Comum(06.10)

JESUS NOS ENSINA QUE A FÉ É DOM E GRAÇA PARA AMAR E SERVIR

6 de outubro de 2019
VIGÉSIMO SÉTIMO DOMINGO DO TEMPO COMUM
ANO C
MÊS MISSIONÁRIO EXTRAORDINÁRIO
Cor litúrgica: Verde
A.: Meus irmãos, iniciamos o Mês Missionário Extraordinário, convocado pelo Santo Padre, o Papa
Francisco, com o tema: “Batizados e Enviados. A Igreja de Cristo em missão no mundo”. Nesta Liturgia,
peçamos a Cristo que aumente a nossa fé, para que possamos aperfeiçoar nosso serviço na obra
missionária da Igreja. Impelidos pelo amor de Cristo, iniciemos a nossa celebração.
RITOS INICIAIS
1. CANTO DE ENTRADA – (Hinário da CNBB, fasc. 3, p. 127)
R.: SENHOR, EM TUAS MÃOS A NOSSA VIDA, A NOSSA LIDA, A TI NINGUÉM RESISTE! Ó
DEUS DO UNIVERSO, O CÉU E A TERRA, TU OS FIZESTE E TUDO QUANTO EXISTE. 1. Quem
confia no Senhor, é qual monte de Sião: não tem medo, não se abala, está bem firme no seu chão./ 2. As
montanhas arrodeiam a feliz Jerusalém. O Senhor cerca seu povo, para não temer ninguém./ 3. A mão
dura dos malvados não esmague as criaturas, para os justos não mancharem suas mãos em aventuras./ 4.
Venha a paz para o teu povo, o teu povo de Israel. Venha a paz para o teu povo, pois tu és um Deus fiel!
2. SAUDAÇÃO DO CELEBRANTE – P.: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. TODOS: AMÉM. P.: A
graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a comunhão do Espírito Santo estejam convosco.
TODOS: BENDITO SEJA DEUS, QUE NOS REUNIU NO AMOR DE CRISTO.
3. ATO PENITENCIAL – P.: No início desta celebração eucarística, peçamos a conversão do coração, fonte de
reconciliação e comunhão com Deus e com os irmãos e irmãs. (Pausa). Confessemos os nossos pecados:
TODOS: Confesso a Deus todo-poderoso e a vós, irmãos e irmãs, que pequei muitas vezes por
pensamentos e palavras, atos e omissões, por minha culpa, minha tão grande culpa. E peço à Virgem
Maria, aos anjos e santos e a vós, irmãos e irmãs, que rogueis por mim a Deus nosso Senhor. P.: Deus todo poderoso tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna. TODOS:
AMÉM. P.: Senhor, tende piedade de nós. TODOS: SENHOR, TENDE PIEDADE DE NÓS. P.: Cristo, tende
piedade de nós. TODOS: CRISTO, TENDE PIEDADE DE NÓS. P.: Senhor, tende piedade de nós. TODOS:
SENHOR, TENDE PIEDADE DE NÓS.
4. HINO DE LOUVOR – Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens por Ele amados! Senhor Deus,
Rei dos céus, Deus Pai todo-poderoso: nós Vos louvamos, nós Vos bendizemos, nós Vos adoramos, nós Vos
glorificamos, nós Vos damos graças por Vossa imensa glória! Senhor Jesus Cristo, Filho Unigênito, Senhor
Deus, Cordeiro de Deus, Filho de Deus Pai. Vós que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós! Vós
que tirais o pecado do mundo, acolhei a nossa súplica! Vós que estais à direita do Pai, tende piedade de
nós! Só Vós sois o Santo, só Vós o Senhor, só Vós o Altíssimo, Jesus Cristo, com o Espírito Santo, na glória
de Deus Pai. Amém.
5. ORAÇÃO DO DIA – P.: OREMOS: (Pausa) – Ó Deus eterno e todo-poderoso, que nos concedeis no vosso
imenso amor de Pai mais do que merecemos e pedimos, derramai sobre nós a vossa misericórdia,
perdoando o que nos pesa na consciência e dando-nos mais do que ousamos pedir. Por nosso Senhor Jesus
Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. TODOS: AMÉM.
LITURGIA DA PALAVRA
A.: Irmãos, Deus, em Sua misericórdia, sustenta nossa fé em meio às tribulações da vida. Ouçamos com
atenção as leituras de hoje.
6. 1ª LEITURA (Hab 1, 2-3; 2,2-4) – Leitura da Profecia de Habacuc.
Senhor, até quando clamarei, sem me atenderes? Até quando devo gritar a ti: “Violência!”, sem me
socorreres? 3
Por que me fazes ver iniquidades, quando tu mesmo vês a maldade? Destruições e
prepotência estão à minha frente; reina a discussão, surge a discórdia. 2,2Respondeu-me o Senhor,
dizendo: “Escreve esta visão, estende seus dizeres sobre tábuas, para que possa ser lida com facilidade. 3
visão refere-se a um prazo definido, mas tende para um desfecho, e não falhará; se demorar, espera, pois
ela virá com certeza, e não tardará. 4Quem não é correto, vai morrer, mas o justo viverá por sua fé”.
Palavra do Senhor. TODOS: GRAÇAS A DEUS.
7. SALMO RESPONSORIAL – (Do Salmo 94/95) R.: NÃO FECHEIS O CORAÇÃO, OUVI VOSSO DEUS!/
1. Vinde, exultemos de alegria no Senhor, aclamemos o Rochedo que nos salva! Ao seu
encontro caminhemos com louvores e com cantos de alegria o celebremos!/ 2. Vinde,
adoremos e prostremo-nos por terra e ajoelhemos ante o Deus que nos criou! Porque ele
é nosso Deus, nosso Pastor, e nós somos o seu povo e seu rebanho, as ovelhas que
conduz com sua mão./ 3. Oxalá ouvísseis hoje a sua voz: “Não fecheis os corações como
em Meriba, como em Massa, no deserto, aquele dia, em que outrora vossos pais me
provocaram, apesar de terem visto as minhas obras”.
8. 2ª LEITURA (2 Tm 1, 6-8.13-14) – Leitura da Segunda Carta de São Paulo a Timóteo.
Caríssimo: 6 Exorto-te a reavivar a chama do dom de Deus que recebeste pela imposição das minhas mãos.
Pois Deus não nos deu um espírito de timidez, mas de fortaleza, de amor e sobriedade. 8Não te
envergonhes do testemunho de Nosso Senhor nem de mim, seu prisioneiro, mas sofre comigo pelo
Evangelho, fortificado pelo poder de Deus. 13Usa um compêndio das palavras sadias que de mim ouviste
em matéria de fé e de amor em Cristo Jesus. 14Guarda o precioso depósito, com a ajuda do Espírito Santo
que habita em nós. Palavra do Senhor. TODOS: GRAÇAS A DEUS.
9. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO – R.: ALELUIA, ALELUIA, ALELUIA! / 1. A Palavra do Senhor permanece
para sempre; e esta é a Palavra que vos foi anunciada.
10. EVANGELHO – (Lc 17, 5-10) – P.: O Senhor esteja convosco. TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. P.:
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas. TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR!
P.: Naquele tempo, 5 os apóstolos disseram ao Senhor: “Aumenta a nossa fé!” 6O Senhor respondeu: “Se
vós tivésseis fé, mesmo pequena como um grão de mostarda, poderíeis dizer a esta amoreira: ‘Arranca-te
daqui e planta-te no mar’, e ela vos obedeceria. 7 Se algum de vós tem um empregado que trabalha a terra
ou cuida dos animais, por acaso vai dizer-lhe, quando ele volta do campo: ‘Vem depressa para a mesa?’
8 Pelo contrário, não vai dizer ao empregado: ‘Prepara-me o jantar, cinge-te e serve-me, enquanto eu como
e bebo; depois disso tu poderás comer e beber?’ 9 Será que vai agradecer ao empregado, porque fez o que
lhe havia mandado? 10Assim também vós: quando tiverdes feito tudo o que vos mandaram, dizei: ‘Somos
servos inúteis; fizemos o que devíamos fazer’”. Palavra da Salvação. TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR!
11. HOMILIA
12. PROFISSÃO DE FÉ – Creio em Deus Pai, todo-poderoso, Criador do céu e da terra, e em Jesus Cristo, seu
único Filho, nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria,
padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; desceu à mansão dos mortos, ressuscitou
ao terceiro dia, subiu aos céus, está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso, donde há de vir a julgar
os vivos e os mortos. Creio no Espírito Santo, na Santa Igreja Católica, na comunhão dos Santos, na
remissão dos pecados, na ressurreição da carne, na vida eterna. Amém.
13. ORAÇÃO DOS FIÉIS
P.: Irmãos e irmãs, com fé e confiança, elevemos ao Pai os nossos pedidos e imploremos com confiança,
dizendo: Aumentai, Senhor, a nossa fé!
TODOS: AUMENTAI, SENHOR, A NOSSA FÉ!
1) Acompanhai o Santo Padre, o Papa Francisco, em seus trabalhos apostólicos, com os quais confirma a
nossa fé e nos encoraja na ação missionária.
TODOS: AUMENTAI, SENHOR, A NOSSA FÉ!
2) Conduzi os nossos governantes pelos caminhos da justiça, da liberdade e da paz.
TODOS: AUMENTAI, SENHOR, A NOSSA FÉ!
3) Revigorai na fé os missionários além-fronteiras, especialmente os que estão em locais de conflitos,
guerras e catástrofes.
TODOS: AUMENTAI, SENHOR, A NOSSA FÉ!
4) Iluminai e suscitai missionários para o anúncio do Evangelho onde a Vossa Palavra ainda não chegou.
TODOS: AUMENTAI, SENHOR, A NOSSA FÉ!
5) Aceitai-nos como Vossos servos inúteis e aumentai em nós a consciência de que sem Vós nada
podemos fazer.
TODOS: AUMENTAI, SENHOR, A NOSSA FÉ!
(Preces Espontâneas):
P.: Acolhei, ó Deus, os pedidos do Vosso povo e concedei-nos a perseverança na fé e nos bons costumes.
Isto Vos pedimos por Cristo Nosso Senhor.
TODOS: AMÉM.
LITURGIA EUCARÍSTICA
14. CANTO DE OFERTAS – (cf. https://www.paulus.com.br/loja/cd-liturgia-xii-tempo-comum-18-ao-34-dtc-anoc_p_2290.html, faixa 8)
1. Ó Deus, recebe o trigo, moído! Vê como é bom o pão! Seja teu Corpo!/ 2. Ó Deus, recebe a uva pisada!
Vê como é bom o vinho! Seja teu Sangue!/ 3. Ó Deus, recebe a vida da gente! Vê como é boa a lida! Seja
tua oferta.
15. P.: Orai, irmãos e irmãs…
16. ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS – P.: Acolhei, ó Deus, nós vos pedimos, o sacrifício que instituístes e,
pelos mistérios que celebramos em vossa honra, completai a santificação dos que salvastes. Por Cristo,
nosso Senhor. TODOS: AMÉM.
17. ORAÇÃO EUCARÍSTICA V – MR (p. 495)
18. RITO DA COMUNHÃO
19. CANTO DE COMUNHÃO – (cf. Hinário da CNBB, fasc. 3, p. 287)
R.: DEPENDE DE TERMOS FÉ, FAZER O MUNDO MUDAR. SENHOR, AQUI NESTA CEIA, TU VENS TEU
CORPO NOS DAR. QUEREMOS QUE TU CONSIGAS A NOSSA FÉ AUMENTAR. /1. Feliz quem teme o Senhor
e ama seus mandamentos. Seus filhos serão valentes, benditos seus descendentes. / 2. Em casa terá
fartura, será sempre dadivoso. Pra quem é bom, é luz forte, bom, misericordioso. / 3. Feliz quem empresta
aos outros e com justiça se porta. Jamais há de tropeçar, ninguém o esquecerá. / 4. Não adianta ter raiva,
nem tramar qualquer vingança. Ao Pai, ao Filho, ao Amor louvemos com canto e dança!
20. ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO – P.: OREMOS: (Pausa) Possamos, ó Deus onipotente, saciar-nos do
pão celeste e inebriar-nos do vinho sagrado, para que sejamos transformados naquele que agora
recebemos. Por Cristo, nosso Senhor. TODOS: AMÉM.
21. ORAÇÃO PARA O MÊS MISSIONÁRIO EXTRAORDINÁRIO
Pai Nosso, o Teu Filho unigênito Jesus Cristo, ressuscitado dentre os mortos, confiou aos Seus discípulos o
mandato: “Ide e fazei discípulos todos os povos”. Recorda-nos que, pelo Batismo, tornamo-nos
participantes da missão da Igreja. Pelos dons do Espírito Santo, concede-nos a graça de sermos
testemunhas do Evangelho, corajosos e vigilantes, para que a missão confiada à Igreja, ainda longe de estar
realizada, encontre novas e eficazes expressões que levem vida e luz ao mundo. Ajuda-nos, Pai Santo,
a fazer com que todos os povos possam encontrar-se com o amor e a misericórdia de Jesus Cristo, Ele que
é Deus convosco, vive e reina na unidade do Espírito Santo, agora e para sempre. Amém!
RITOS FINAIS
22. BREVES AVISOS
23. BÊNÇÃO FINAL
Preparando a Partilha da Palavra
Os Apóstolos pedem que o Senhor lhes “aumente a fé” e recebem uma resposta muito firme decisiva: “Se vós tivésseis fé, mesmo pequena como um grão de mostarda, poderíeis dizer a esta amoreira: arranca-te daqui e planta-te no mar, e ela vos obedeceria.” A fé é dom de Deus e é autêntica quando é vivida no compromisso do amor e do serviço. A fé é adesão a Jesus Cristo, portanto é necessário ter as mesmas atitudes dele, servindo-o com toda fidelidade e com alegria. A Comunidade é chamada para a vivência da fé, comprometida com Cristo, com seu Evangelho. Habacuc nos lembra que “o justo vive por sua fé”. Não é o ambiente do mundo, o emaranhado de pensamentos que vão justificar nossa fé, mas sim a confiança em Cristo, em seu amor, em sua misericórdia. A fé define nosso destino, portanto faz sentido os Apóstolos pedirem ao Senhor que lhes aumentem a fé, porque essa é uma condição necessária para o seguimento a Cristo. É preciso crer de verdade, sem fingimento, pois haverá situações muito difíceis que somente na fé se poderão suportar. Olhemos para o próprio Cristo, que enfrenta a injúria, mas continua fiel ao Pai até o fim, até sua morte de cruz. Essa confiança gerada pela fé, é “fazer a amoreira transportar-se de lugar”. A fé autêntica também nos faz ser servidores, pois tudo o que temos e somos recebemos do Senhor, pela benignidade (bondade) de sua graça. O Senhor nos chama pessoalmente para viver nele e servi-Lo com amor. A comunidade que se reúne no Senhor também é chamada a servir na gratuidade do amor. Portanto, o pedido dos Apóstolos é nosso pedido: “Senhor, aumentai nossa fé, no sentido de que ela seja verdadeira e autêntica, e não nos deixeis viver uma fé miúda, descomprometida. Fazei-nos crer em Vós e em Vosso Evangelho”.

LEITURAS DA SEMANA
Seg: Nossa Senhora do Rosário, Mem. At 1,12-14 ; Cânt.: Lc 1,46-47. 48-49. 50-51. 52-53. 54-55
Ter: Jn 3, 1-10; Sl 129 (130); Lc 10, 38-42
Qua: S. Dionísio. B e Comps. Mts. S. João Leonardi. Presb. MFac. Jn 4,1-11; Sl 85 (86) Lc11,1-4
Qui: Ml 3,13-20a; Sl 1, 1-2.3.4 e 6 (r/. Sl 39,5a); Lc 11,5-13
Sex: S. João XXIII, Pp, MFac. Jl 1,13-15; 2, 1-2 ; Sl 9A (9), 2-3.6.16.8-9 ; Lc 11,15-26
Sáb: N. Sra da Conceição Aparecida, Padroeira do Brasil. Sol. Est 5,1b-2; 7,2b-3; Sl 44; Ap 12,1.5.13-16; Jo
2,1-11.
Terceira Semana do Saltério
Vigésima Sétima Semana do Tempo Comum

Você pode Gostar de:

19º Domingo do Tempo Comum(11.08)

VIGIAR E CAMINHAR NA FÉ À ESPERA DO SENHOR Dia dos Pais e da Vocação …