Página Inicial / Artigos Padres da Arquidiocese / Liturgia do 2º Domingo Comum 16.01.2022

Liturgia do 2º Domingo Comum 16.01.2022

“Houve uma Festa de Casamento em Caná da Galiléia
1.Acolhida
O casamento, quando verdadeiro, é uma grande e significativa festa popular. E Jesus foi convidado para um casamento que falhou pela falta de vinho! E Jesus é a solução para os fracassos da humanidade e foi a solução para o casamento realizado em Caná na Galileia.
O Evangelho de João é repleto de simbolismos: Há simbolismos que se esgotaram, não tem mais sentido e simbolismos reciclados, novos e cheios de sentido e realismo. Há novidades do Reino de Deus, trazidas por Jesus, o Salvador.

2.Palavra de Deus
Is 62,1-5 – O profeta Isaias anuncia para o povo exilado um tempo novo de paz e de amor entre Deus e seu povo escolhido. Teremos tempos novos e de salvação.
1Co 12,4-11 – A Igreja de Jerusalém será enriquecida de dons e carismas, graças e serviços que, embora muitos e variados, não causarão conflitos, pois, todos eles terão a mesma origem: serão obra do Espírito Santo.
Jo 2,1-11 – Festa de casamento fracassado e por falte de vinho! Mas, a festa foi salva pela intercessão de Maria, Mãe de Jesus. Jesus multiplicou o vinho de qualidade, num volume de mais de 600 litros! Agora, é o vinho novo que brotou das talhas vazias, graças à intervenção da Virgem Maria, Mãe de Jesus.

3.Reflexão
Deus estabeleceu uma Nova Aliança com um povo pecador, mas Ele quer transformá-lo em fonte de bênção e de graça divina. Veja bem, Deus celebra Aliança com um povo conhecido por suas infidelidades! A fidelidade de nosso Deus é maravilhosa e depende apenas de seu amor! As talhas vazias são símbolo da inutilidade das alianças antigas. Agora é aliança com novo amor. É vinho novo colocado em talhas antigas. Deus revela a novidade do Messias que, a pedido da Mãe, antecipa sua “Hora”: Ele mandou encher as talhas de pedra com água, logo, transformada em vinho e de qualidade. Símbolo do Sangue de Jesus. É a antecipação da “Hora de Jesus”. A abluções com água são supressas e substituídas pelo Sangue de Jesus! A água é substituída pelo Sangue de Jesus, Sangue que perdoa e apaga os pecados de seu Povo. Esta é a verdadeira alegria do Povo de Deus: ser perdoado de seus pecados!
A intercessão de Maria faz Jesus antecipar sua “Hora”. Jesus inicia sua vida pública e apostólica, opera o primeiro sinal (milagre) de sua vida de Salvador da Humanidade. Feliz e fecunda intercessão de Maria, alegria da Igreja (dos noivos) que puderam continuar a festa com o vinho novo, de origem divina. Esta é a missão de Maria no seio da Igreja de Jesus, seu Filho: vir e prestar socorro aos discípulos de seu Filho Jesus.
Dons e carismas, múltiplos e variados, mas que não criam confusão, pois são obra do único Espírito Santo e são conferidos para o bem da Igreja. O Espírito não cria confusão, mas enriquecimento e beleza para Igreja de Jesus. Quem recebe um carisma não o recebe em proveito próprio mas em proveito da Igreja. Não pode ser motivo e causa de divisão ou separação, mas de serviço especial para a Igreja.
Os convidados para a festa deviam estar cozinhando sua bebedeira e por isso nem se deram conta pela falta o vinho! Cada qual pensava apenas na sua satisfação. A Mãe de Jesus se antecipou ao conflito e apelou para o seu Filho!
Maria, Virgem e Mãe da Igreja, Cuidai para nos libertar da gula e do egoísmo!

Frei Carlos Zagonel

Você pode Gostar de:

CRB Cuiabá realiza uma Tarde Sinodal

CRB Cuiabá realiza uma TARDE SINODAL para a “escuta” dos/as Religiosos/as e o 1º encontro …