Página Inicial / Notícias / Dia Internacional da Mulher – Lives CNBB

Dia Internacional da Mulher – Lives CNBB

A Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) vai celebrar o Dia Internacional da Mulher – 08 de março com uma edição lives “Mulheres na Missão”, às 15h, nas redes sociais da CNBB (Youtube e Facebook).

A temática desta edição é “O Sonho de uma Igreja Missionária – Corações ardentes, pés a caminho” e vai receber como convidada a presidente do Conselho Nacional do Laicato do Brasil (CNLB), Sônia Gomes de Oliveira. A mediação será da assessora da comissão, irmã Sandra Regina Amado e da coordenadora do COMIRE 0este 1, Janete Favero.
De acordo com a comissão, o objetivo da live é “este bate papo é sobre os desafios e a paixão pela missão num contexto do 5 Congresso Missionário Nacional da Igreja do Brasil em preparação do 6 Congresso Missionário Americano que acontecerá em Porto Rico em 2024”.
Ainda segundo a comissão, essa edição se inclui na série de lives sobre a contribuição da mulher na reflexão, animação, coordenação, projetos e atividades na missão da Igreja; muitas vezes as mulheres estão na vanguarda da missão da Igreja no Brasil e no mundo.

Série “Mulheres na Missão”
A série “Mulheres na Missão” foi iniciada em 8 de março de 2021 e tem como objetivo dar visibilidade à contribuição da mulher na missão da Igreja no Brasil e no mundo já que na maioria das vezes, são as mulheres que levam em frente as atividades missionárias na Igreja.
Com a temática: “Retrato atual: presença feminina na missão eclesial”, a live teve como convidada a presidente da Conferencia dos Religiosos do Brasil (CRB), irmã Maria Inês Ribeiro, que em janeiro de 2021, foi nomeada pelo papa Francisco para ser consultora da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica (CIVCSVA) da Cúria Romana.
A série “mulheres na missão” tem a motivação de provocar a reflexão sobre a animação, e a coordenação de projetos e atividades missionárias no brasil a partir do olhar feminino e concretiza a proposta de vivência da missão prevista no programa missionário nacional (PMN) em consonância com as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (2019-2023).

Dia Internacional da Mulher – 8 de março
Historicamente, a data surgiu em homenagem às manifestações de operárias pela redução da jornada de trabalho, na Europa e nos Estados Unidos, no final do século XIX e início do século XX. A data emblemática faz referência ao dia 08 de março de 1857, quando 129 mulheres tecelãs de uma fábrica em Nora Iorque foram reprimidas pela polícia e, ao refugiarem-se nas dependências da fábrica, foram trancadas e carbonizadas no local, informação da Ana Beatriz Magalhães para uma reportagem do Blog da Saúde, do Ministério da Saúde.
Segundo o blog da Saúde, a data começou a ser comemorada após a II Conferência Internacional de Mulheres, realizada em 1910 na Dinamarca, quando o dia foi proposto em homenagem às tecelãs. Um ano mais tarde, quando milhares de mulheres se manifestaram na Europa, o dia passou a ser celebrado no mundo inteiro.
Acesse a live no canal da CNBB no Youtube

https://www.cnbb.org.br/comissao-celebra-dia-internacional-da-mulher-com-live-especial-mulheres-na-missao/

Você pode Gostar de:

Concessão da indulgência durante o Jubileu Ordinário de 2025

COMO ALCANÇAR AS INDULGÊNCIAS DURANTE O JUBILEU DE 2025: SANTA SÉ DIVULGA DOCUMENTO COM REGRAS. …