Página Inicial / Notícias / 9ª Celebração da Consciência Negra

9ª Celebração da Consciência Negra

Prezados Irmãos de Caminhada;
Convidamos toda a Arquidiocese de Cuiabá, em nome das Paróquias que compõem o setor V:Sagrada Família, Nossa Senhora do Rosário e São Benedito, Divino Espírito Santo e Coração Imaculado de Maria,para a 9º CELEBRAÇÃO DA CONSCIÊNCIA, desta vez com o tema: "No rosto dos oprimidos, a força de Cristo Libertador!"
Será uma celebração festejando o jeito e o gingado misturado com fé a cultura do povo afro-brasileiro! O evento religioso será às 19h00, no próximo dia 20, na Igreja Divino Espírito Santo, no CPA I. A partir da música, da dança, do Salmo e da Palavra a serem exaltadas por ocasião do evento, as Paróquias pretendem ressaltar a força de um povo e de uma raça que fazem parte da história da busca de libertação. 
A celebração é também para dar aleluia por todas as lutas pela vida e pela resistência de tantas pessoas que se organizam para superar as desigualdades sociais e que lutam pelos direitos fundamentais de pessoa humana.
Venha celebrar conosco! E traga sua partilha de comidas típicas!
Contamos com a vossa presença de fé e compromisso!!!
Viva Zumbi dos Palmares!!!
Viva a Luta e a Resistência do Povo Negro e Oprimido!!!

Mais Informações:
Willian – Paróquia Nossa Senhora do Rosário e São Benedito.
(65) 9901-6038 ou (65) 9233-8538

Para marcar a passagem do Dia da Consciência Negra, comemorado em 20 de novembro, data da morte de Zumbi dos Palmares, símbolo da resistência negra, as Paróquias do Setor V, da Arquidiocese de Cuiabá: Sagrada Família, Nossa Senhora do Rosário e São Benedito, Divino Espírito Santo e Coração Imaculado de Maria, irão realizar a 9ª Celebração da Consciência. Uma celebração festejando o jeito e o gingado misturado com fé a cultura do povo afro-brasileiro! O evento religioso será às 19h, do próximo dia 20, na Igreja Divino Espírito Santo, no CPA I. A partir da música, da dança, do Salmo e da Palavra a serem exaltadas por ocasião do evento, as Paróquias pretendem ressaltar a força de um povo e de uma raça que fazem parte da história da busca de libertação. 
A celebração é também para dar aleluia por todas as lutas pela vida e pela resistência de tantas pessoas que se organizam para superar as desigualdades sociais e que lutam pelos direitos fundamentais de pessoa humana. O tema deste ano da celebração é: “No rosto dos oprimidos, a força do Cristo Libertador”.
Venha celebrar conosco! E traga sua partilha de comidas típicas!
Contatos…
Antônia: (65) 9201-5786
Mikicele: (65) 9274-9515
Sebastião: (65) 9983-4988
Willian: (65) 9901-6038

Você pode Gostar de:

Papa: ser cristão é superar discriminações. O batismo confere igual dignidade a todos

“As diferenças e os contrastes que criam separação não deveriam existir entre os fiéis em …