Página Inicial / Animação Litúrgica / 4º Domingo do Advento

4º Domingo do Advento

Ano A – XXIII – Nº 1426 – 4º Domingo do Advento – cor roxa ou lilás – 22/12/2013
O MESSIAS ESTÁ CHEGANDO, ALEGREMO-NOS!
Preparar o espaço celebrativo conforme orientações do 1º Domingo do Advento.
Desde a manhã preparo uma oferenda, (2x) e fico, Senhor, à espera do teu sinal. (2x)
01. ACOLHIDA
Animador(a) – Queridos irmãos e irmãs, sejam todos bem-vindos! É com grande alegria que os acolhemos para celebrar a nossa fé e a nossa vida. Na liturgia deste domingo, bendizemos ao Pai pela manifestação de seu Filho em nosso meio. Hoje somos convidados a nos alegrar como Maria, porque o Senhor está conosco, revelando-nos em Jesus Cristo, o seu projeto de amor. Na feliz espera por esse tempo de graça, cantemos.
Procissão de entrada como de costume.
02. CANTO INICIAL
No Tempo de Advento vamos preparar com esperança a vinda do Salvador, sua chegada esperemos com alegria, ao seu encontro caminhamos com amor. (bis)
1 – As nossas trevas Ele irá iluminar, enxugará nosso pranto e dor, por uma sociedade mais fraterna vamos acolher nosso Deus Libertador.
2 – Esperamos novo céu e nova terra, com alegrias entre cantos e louvor, que as famílias na fé se renovem e sejam sinais do verdadeiro amor.
Presidente – Na alegria da chegada do Senhor, façamos o sinal da nossa fé. Em nome do Pai…
Presidente – O Deus da esperança, que nos cumula de toda alegria e paz em nossa fé, pela ação do Espírito Santo, esteja convosco. Bendito seja Deus…
Animador(a) – A exemplo de Maria, a serva do Senhor, todo aquele que acredita e faz de sua vida um serviço ao Reino de Deus e aos irmãos, torna-se sinal da luz de Cristo para o mundo. Acendamos a 4ª vela da Coroa do Advento.
Uma mulher grávida, acompanhada de seu esposo (se possível), acende a 4º vela (branca) da Coroa do Advento, enquanto se canta.
Meus irmãos, penitência e oração! Arrumemos nossa casa co’alegria! Logo a ela, o Senhor vai chegar, pelo ventre imaculado de Maria!
1 – Acendemos hoje a última vela, pois tão logo o Emanuel vai chegar. Com Maria, todos juntos, na espera, ”Deus-Conosco”, pro seu Reino implantar!
03. DEUS NOS PERDOA
Presidente – A salvação trazida por Jesus ao mundo é para todos. Acolhê-la é compromisso de cada um de nós. Reconhecendo-nos pecadores, imploremos confiantes a misericórdia do Pai, pelas vezes que não acolhemos a salvação que nos é oferecida. (pausa)
– Senhor, que viestes ao mundo para nos salvar, tende piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.
– Cristo, que continuamente nos visitais com a graça do vosso Espírito, tende piedade de nós.
Cristo, tende piedade de nós.
– Senhor, que vireis um dia para julgar as nossas obras, tende piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.
Presidente – Deus da vida, tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna. Amém.
04. ORAÇÃO
Presidente – Derramai, ó Deus, a vossa graça em nossos corações para que, conhecendo pela mensagem do anjo a encarnação do Vosso Filho, cheguemos, por sua Paixão e Cruz, à glória da ressurreição. Por nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém.
Sem nenhum comentário, a assembleia senta-se e canta o refrão abaixo.
Guarda a Palavra, guarda-a no coração: que ela entre em tua alma, e penetre os sentimentos! Busca, noite e dia, a luz, o amor de Deus: se guardares a Palavra, ela te guardará!
05. LEITURA DO LIVRO DO PROFETA ISAÍAS (7, 10-14)
06. SALMO RESPONSORIAL (23)
O rei da glória é o Senhor onipotente; abri as portas para que Ele possa entrar! (bis)
– Ao Senhor pertence a terra e o que ela encerra, o mundo inteiro com os seres que o povoam; porque ele a tornou firme sobre os mares, e sobre as águas a mantém inabalável.
– “Quem subirá até o monte do Senhor, quem ficará em sua santa habitação?” “Quem tem mãos puras e inocente coração, quem não dirige sua mente para o crime.
– Sobre este desce a bênção do Senhor e a recompensa de seu Deus e Salvador”. “É assim a geração dos que o procuram, e do Deus de Israel buscam a face”.
07. LEITURA DA CARTA DE SÃO PAULO AOS ROMANOS (1, 1-7)
08. CANTO DE ACLAMAÇÃO
Aleluia, Aleluia, Aleluia, Aleluia.
1 – Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho. Chamar-se-á Emanuel que significa: Deus conosco.
09. PROCLAMAÇÃO DO EVANGELHO DE JESUS CRISTO SEGUNDO SÃO MATEUS (1, 18-24)
10. PARTILHA DA PALAVRA
11. PROFISSÃO DE FÉ
Presidente – No Deus que por meio de Maria manifestou a salvação a toda humanidade, professemos nossa fé. Creio em Deus Pai…
12. PRECES DA COMUNIDADE
Presidente – Ao Pai, elevemos confiantes, os pedidos de nossa comunidade.
– Senhor, abençoai a vossa Santa Igreja, para que ela continue no mundo a ser sinal da revelação do grande mistério da salvação que Vós preparastes para toda a humanidade. Nós vos pedimos.
– Senhor, acompanhai os casais que aguardam o nascimento de seus filhos, para que sejam felizes e abençoados, e que o fruto do seu amor possa trazer alegria para suas vidas e para a comunidade. Nós vos pedimos.
– Senhor, iluminai todas as famílias, para que saibam discernir o verdadeiro sentido da festa do Natal e acolher o Vosso Filho Jesus, luz do mundo, com a fé e a simplicidade de Maria. Nós vos pedimos.
– Senhor, dai-nos força e ânimo para anunciarmos ao mundo a Boa Notícia do Reino dos Céus. Nós vos pedimos.
Presidente – Ó Pai, acolhei com bondade todos os pedidos que confiantes vos apresentamos. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.
13. APRESENTAÇÃO DOS DONS
Animador(a) – Quanto mais nos aproximamos do Natal do Senhor, mais aumenta nossa expectativa, nossa esperança e alegria. Preparemos nossa casa e o nosso coração para vivermos o verdadeiro sentido do nascimento de Jesus. Apresentemos ao altar do Senhor a vida de nossas famílias para que sejam cada vez mais solidárias com os pobres, doentes, encarcerados, peregrinos, abandonados e eduquem as crianças na fé e no compromisso para que todos tenham o necessário para sobreviver.
Coordenadores dos grupos de reflexão, círculos bíblicos, apresentam o material da novena de Natal, folhetos litúrgicos do Advento, terço, cesto com alimentos, remédios, roupas… enquanto se canta.
No Tempo de Advento vamos preparar com esperança a vinda do Salvador, sua chegada esperemos com alegria, ao seu encontro caminhamos com amor. (bis)
14. CANTO DAS OFERENDAS
Onde houver Celebração da Palavra, omite-se a 1ª estrofe.
1 – As nossas mãos se abrem, mesmo na luta e na dor e trazem pão e vinho, para esperar o Senhor.
Deus ama os pobres e se fez pobre, também, desceu à terra e fez pousada em Belém.
2 – As nossas mãos se elevam, para, num gesto de amor, retribuir a vida, que vem das mãos do Senhor.
3 – As nossas mãos se encontram na mais fraterna união. Façamos deste mundo, a grande “Casa do Pão!”
4 – As nossas mãos sofridas nem sempre têm o que dar, mas vale a própria vida de quem prossegue a lutar.
PAI NOSSO
Presidente – Irmãos e irmãs, rezemos com amor e confiança a oração que Jesus nos ensinou. Pai Nosso…
17. MOMENTO DA PAZ
Animador(a) – A paz que Jesus traz é fruto da alegria, da vivência fraterna e solidária. Rezemos em silêncio, pedindo que Ele nos dê a paz.
Durante o tempo do Advento, pode-se omitir o abraço da paz para realizá-lo com mais alegria no tempo do Natal.
18. CANTO DE COMUNHÃO (se houver)
Vem, ó Senhor, com o teu povo caminhar, teu Corpo e Sangue, vida e força vem nos dar. (bis)
1 – A Boa-Nova proclamai com alegria: Deus vem a nós, ele nos salva e nos recria. E o deserto vai florir e se alegrar, da terra seca flores, frutos vão brotar. (bis)
2 – Eis nosso Deus e ele vem para salvar, com sua força vamos juntos caminhar e construir um mundo novo e libertado do egoísmo, da injustiça e do pecado. (bis)
3 – Uma voz clama no deserto com vigor: “Preparai hoje os caminhos do Senhor”. Tirai do mundo a violência e ambição que não nos deixam ver no outro o nosso irmão. (bis)
4 – Distribui os vossos bens com igualdade, fazei na terra germinar fraternidade. O Deus da vida marchará com o seu povo, e homens novos viverão num mundo novo. (bis)
5 – Vem, ó Senhor, ouve o clamor da tua gente, que luta e sofre, porém crê que estás presente. Não abandones os teus filhos, Deus fiel, porque teu nome é Deus-Conosco: Emanuel! (bis)
19. ORAÇÃO
Presidente – Ó Deus de bondade, Vós partilhastes conosco a vossa Palavra (e a Comunhão). Por esse alimento, dai-nos a graça de nos preparar melhor para celebrar o Natal de vosso Filho Jesus Cristo, nosso Senhor. Amém.
20. NOTÍCIAS E AVISOS
– Nesta semana celebraremos a festa do Natal. Preparemos com muito carinho.
21. BÊNÇÃO DAS GESTANTES
O Presidente convida as gestantes (onde houver) a se colocarem em frente ao altar, pede que toda a assembleia estenda as mãos sobre elas e procede a bênção.
Presidente – Ó Deus de ternura e paz, nós te contemplamos na gravidez de Maria e na gravidez destas nossas irmãs. Ó Senhor, cujo Filho, por obra e poder do Espírito Santo, dignou-se nascer da Virgem Maria para remir e salvar a humanidade, dai saúde a estas crianças que estão para nascer e concedei que estas vossas filhas deem a luz tranquilamente ao fruto de seus ventres, desde já destinados a serem vossos fiéis, servindo-vos em todas as coisas para merecer a vida eterna. Amém.
Todos (cantando):
1 – Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco! Bendita sois vós entre as mulheres, bendito é o fruto do vosso ventre Jesus! Do vosso ventre, Jesus!
2 – Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós pecadores! Agora e na hora de nossa morte! Amém!
22. BÊNÇÃO
Presidente – Que o Deus onipotente e misericordioso vos ilumine com o Advento do seu Filho, em cuja vinda cremos e cuja volta esperamos, e derrame sobre vós as suas bênçãos. Amém.
– Abençoe-vos o Deus todo-poderoso: Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.
– Alegrando-vos agora pela vinda do Salvador feito homem; ide em paz e que o Senhor vos acompanhe. Graças a Deus.
23. CANTO FINAL
Como o sol nasce da aurora, de Maria nascerá aquele que a terra seca em jardim converterá. Ó Belém, abre teus braços ao Pastor que a ti virá. Emanuel, Deus conosco, vem ao nosso mundo, vem!
1 – Ouve, ó Pastor do teu povo, vem do alto céu onde estás! Emanuel, Deus conosco, vem ao nosso mundo, vem!
2 – Salva e protege esta vinha, foi tua mão que a plantou! Emanuel, Deus conosco, vem ao nosso mundo, vem!
PARTILHA DA PALAVRA
A 1ª leitura nos mostra o rei Acaz assustado diante da ameaça de destruição em tempo de guerra. Isaías anuncia um sinal do favor de Deus: em vez de morte e destruição, haverá um nascimento. Para indicar que esse menino é sinal de salvação, Isaías lhe dá um nome especial: Emanuel, que significa “Deus conosco”. Isaías falava do filho do rei que ia nascer, mas suas palavras ficaram no coração do povo como sinal de algo maior que Deus um dia realizaria. É verdade que qualquer nascimento é sempre sinal da presença do Pai criador, sem o qual não há vida. Mas José recebe do anjo, em sonho, um anúncio muito especial: um menino vai nascer, concebido por virtude do Espírito Santo; será filho de sua noiva, Maria. O anjo retoma para o menino as palavras de Isaías: ele será Emanuel, Deus conosco, mas dessa vez num sentido que ultrapassava tudo que Isaías pudesse imaginar. A missão é maior do que jamais se propôs a qualquer filho de rei: ele salvará o povo de seus pecados. Nele o nome “Deus conosco” terá um significado surpreendente: Deus se faz gente, solidário com a humanidade sofredora. Neste 4º Domingo do Advento tudo respira a presença do Messias, o Salvador. As promessas de Deus ao povo eleito estão sendo cumpridas. Entre os maiores colaboradores encontram-se Maria e José. Pensemos em José, homem justo, que descobre a gravidez daquela que lhe estava prometida em casamento. Pensemos em Maria, em quem se cumpriu o que o Senhor havia dito pelo profeta. Como essas pessoas humanas colaboraram para a realização do plano de Deus pelo mistério da Encarnação, hoje esse mesmo mistério pede a nossa colaboração, a colaboração da comunidade cristã. Estamos verdadeiramente dispostos a colaborar com o projeto do Pai, assim como Maria e José?

Você pode Gostar de:

16º Domingo do Tempo Comum (18.07)

16º Domingo do Tempo Comum Ano B – cor verde – 18/07/2021 1. Saudação Presidente …