Batismo do Senhor

FESTA DO BATISMO DO SENHOR – BATIZADOS EM CRISTO, SOMOS SUAS TESTEMUNHAS
 10 de janeiro de 2016 
ANO DA MISERICÓRDIA – Ano C
Cor Litúrgica: branco
A: Meus irmãos, o Batismo de Jesus marca o início de Sua vida pública e de Sua missão redentora no mundo. Hoje, nós somos convidados a professar a nossa fé em Cristo, reafirmando assim o nosso compromisso de vivermos as promessas batismais. Fiquemos de pé e iniciemos a nossa celebração.
RITOS INICIAIS
1. CANTO DE ENTRADA – R.: EIS QUE VEIO O SENHOR DOS SENHORES, EM SUAS MÃOS, O PODER E A REALEZA. (BIS)/ 1. Dai ao Rei vossos poderes, Senhor Deus, Vossa justiça ao descendente da realeza! Com justiça Ele governe o vosso povo, com equidade Ele julgue os vossos pobres./ 2. Libertará o indigente que suplica, e o pobre ao qual ninguém quer ajudar. Todos os povos serão nele abençoados, todas as gentes cantarão o seu louvor!/ 3. Glória ao Pai e ao Filho e ao Santo Espírito como era no princípio, agora e sempre.
2. SAUDAÇÃO DO CELEBRANTE – P.: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. TODOS: AMÉM. P.: A graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a comunhão do Espírito Santo estejam convosco. TODOS: BENDITO SEJA DEUS, QUE NOS REUNIU NO AMOR DE CRISTO.
3. ATO PENITENCIAL – P.: No início desta celebração eucarística, peçamos a conversão do coração, fonte de reconciliação e comunhão com Deus e com os irmãos e irmãs. (Pausa). Confessemos os nossos pecados: TODOS: Confesso a Deus todo-poderoso e a vós, irmãos e irmãs, que pequei muitas vezes por pensamentos e palavras, atos e omissões, por minha culpa, minha tão grande culpa. E peço à Virgem Maria, aos anjos e santos e a vós, irmãos e irmãs, que rogueis por mim a Deus nosso Senhor. P.: Deus todo-poderoso tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna. TODOS: AMÉM. P.: Senhor, tende piedade de nós. TODOS: SENHOR, TENDE PIEDADE DE NÓS. P.: Cristo, tende piedade de nós. TODOS: CRISTO, TENDE PIEDADE DE NÓS. P.: Senhor, tende piedade de nós. TODOS: SENHOR, TENDE PIEDADE DE NÓS.
4. HINO DE LOUVOR: Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens por Ele amados! Senhor Deus, Rei dos céus, Deus Pai todo-poderoso: nós Vos louvamos, nós Vos bendizemos, nós Vos adoramos, nós Vos glorificamos, nós Vos damos graças por Vossa imensa glória! Senhor Jesus Cristo, Filho Unigênito, Senhor Deus, Cordeiro de Deus, Filho de Deus Pai. Vós que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós! Vós que tirais o pecado do mundo, acolhei a nossa súplica! Vós que estais à direita do Pai, tende piedade de nós! Só Vós sois o Santo, só Vós o Senhor, só Vós o Altíssimo, Jesus Cristo, com o Espírito Santo, na glória de Deus Pai. Amém.
5. ORAÇÃO DO DIA – P.: OREMOS: (Pausa) – Ó Deus, cujo Filho Unigênito se manifestou na realidade de nossa carne, concedei que, reconhecendo sua humanidade semelhante à nossa, sejamos interiormente transformados por ele. Que convosco vive e reina, na unidade do Espírito Santo. TODOS: AMÉM.
LITURGIA DA PALAVRA 
Anim.: Irmãos, em Cristo, nós podemos viver a plenitude do nosso Batismo na busca da santidade. Ouçamos atentamente as leituras de hoje.
6. 1ª LEITURA (Is 42,1-4.6-7) – Leitura do Livro do Profeta Isaías.
Assim fala o Senhor: 1“Eis o meu servo – eu o recebo; eis o meu eleito – nele se compraz minh’alma; pus meu espírito sobre ele, ele promoverá o julgamento das nações. 2Ele não clama nem levanta a voz, nem se faz ouvir pelas ruas. 3Não quebra uma cana rachada nem apaga um pavio que ainda fumega; mas promoverá o julgamento para obter a verdade. 4Não esmorecerá nem se deixará abater, enquanto não estabelecer a justiça na terra; os países distantes esperam seus ensinamentos. 6Eu, o Senhor, te chamei para a justiça e te tomei pela mão; eu te formei e te constituí como centro de aliança do povo, luz das nações, 7para abrires os olhos dos cegos, tirar os cativos da prisão, livrar do cárcere os que vivem nas trevas”. Palavra do Senhor. TODOS: GRAÇAS A DEUS.
7. SALMO RESPONSORIAL – Sl 28 (29 )
R.: QUE O SENHOR ABENÇOE, COM A PAZ, O SEU POVO! / 1. Filhos de Deus, tributai ao Senhor, tributai-lhe a glória e o poder! Dai-lhe a glória devida ao seu nome; adorai-o com santo ornamento! / 2. Eis a voz do Senhor sobre as águas, sua voz sobre as águas imensas! Eis a voz do Senhor com poder! / 3. Eis a voz do Senhor majestosa. Sua voz no trovão reboando! No seu templo os fiéis bradam: “Glória!” É o Senhor que domina os dilúvios, o Senhor reinará para sempre!
8. 2ª LEITURA (At 10, 34-38) – Leitura dos Atos dos Apóstolos.
Naqueles dias, 34Pedro tomou a palavra e disse: “de fato, estou compreendendo que Deus não faz distinção entre as pessoas. 35Pelo contrário, ele aceita quem o teme e pratica a justiça, qualquer que seja a nação a que pertença. 36Deus enviou sua palavra aos israelitas e lhes anunciou a Boa-nova da paz, por meio de Jesus Cristo, que é o Senhor de todos. 37Vós sabeis o que aconteceu em toda a Judeia, a começar pela Galileia, depois do batismo pregado por João: 38como Jesus de Nazaré foi ungido por Deus com o Espírito Santo e com poder. Ele andou por toda a parte, fazendo o bem e curando a todos os que estavam dominados pelo demônio; porque Deus estava com ele”.
Palavra do Senhor. TODOS: GRAÇAS A DEUS.
9. CANTO DE ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO – R.: ALELUIA, ALELUIA, ALELUIA / abriram-se os céus e fez-se ouvir a voz do Pai: eis meu Filho muito amado; escutai-o, todos vós!
10. PROCLAMAÇÃO DO EVANGELHO – (Lc 3,15-16.21-22) – P.: O Senhor esteja convosco. TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. P.: Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR!
P.: Naquele tempo, 15o povo estava na expectativa e todos se perguntavam no seu íntimo se João não seria o Messias. 16Por isso, João declarou a todos: “Eu vos batizo com água, mas virá aquele que é mais forte do que eu. Eu não sou digno de desamarrar a correia de suas sandálias. Ele vos batizará no Espírito Santo e no fogo”. 21Quando todo o povo estava sendo batizado, Jesus também recebeu o batismo. E, enquanto rezava, o céu se abriu 22e o Espírito Santo desceu sobre Jesus em forma visível, como pomba. E do céu veio uma voz: “Tu és meu Filho amado, em ti ponho o meu bem-querer”. Palavra da Salvação. TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR.
11. HOMILIA
12. PROFISSÃO DE FÉ – Creio em Deus Pai, todo-poderoso, criador do céu e da terra, e em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria, padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; desceu à mansão dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos céus, está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso, donde há de vir a julgar os vivos e os mortos. Creio no Espírito Santo, na Santa Igreja Católica, na comunhão dos Santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da carne, na vida eterna. Amém.
13. ORAÇÃO DOS FIÉIS – P.: Irmãos e irmãs, no dia em que celebramos o Batismo do Senhor, elevemos ao Pai os nossos pedidos, na certeza de que, renascidos na fonte da salvação e fortalecidos pelo Banquete eucarístico, somos chamados à vida nova do Reino de Deus. Rezemos juntos, dizendo: Senhor, atendei-nos!
TODOS: SENHOR, ATENDEI-NOS!
1) Pela Santa Igreja de Deus, para que, por meio dos Sacramentos da Iniciação Cristã, gere muitos filhos para testemunharem ao mundo o amor, a justiça e a caridade, rezemos ao Senhor.
TODOS: SENHOR, ATENDEI-NOS!
2) Pelos governantes de todas as nações, para que sejam promotores da justiça e da paz e construtores de um mundo mais fraterno, rezemos ao Senhor.
TODOS: SENHOR, ATENDEI-NOS!
3) Por todos os batizados, para que possam evangelizar a partir de Jesus Cristo, em união com o Pai e na força renovadora do Espírito Santo, rezemos ao Senhor.
TODOS: SENHOR, ATENDEI-NOS!
4) Por todos nós aqui reunidos, para que saibamos sempre mais honrar com o nosso testemunho de vida o Batismo que recebemos, rezemos ao Senhor.
TODOS: SENHOR, ATENDEI-NOS!
(Preces Espontâneas)
P.: Ó Deus, confiantes, vos apresentamos nossos pedidos, porque desde o dia do nosso batismo vós nos acolhestes como filhos e nos concedestes a graça de vos chamar de Pai. Aceitai nossas preces e abençoai-nos em Vossa misericórdia. Por Cristo, nosso Senhor.
TODOS: AMÉM.
LITURGIA EUCARÍSTICA
14. CANTO DE OFERTAS – 1. Nas terras do Oriente, surgiu dos céus uma luz: que vem brilhar sobre o mundo e para Deus nos conduz. / R.: NASCEU JESUS SALVADOR! ALELUIA, ALELUIA! É ELE O CRISTO SENHOR; ALELUIA, ALELUIA! / 2. Nasceu-nos hoje um menino, um filho que nos foi dado. É grande e tão pequenino, Deus forte é Ele chamado. / 3. Cantai com muita alegria, que grande amor Deus nos tem! Pequeno, pobre, escondido, nasceu por nós em Belém.
15. P.: Orai, irmãos e irmãs…
16. ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS – P.: Recebei, ó Pai, as oferendas que vos apresentamos no dia em que revelastes vosso Filho, para que se tornem o sacrifício do Cordeiro que lavou em sua misericórdia os pecados do mundo. Por Cristo, nosso Senhor. TODOS: AMÉM.
18. ORAÇÃO EUCARÍSTICA II – MR (p. 478) – Prefácio: O Batismo do Cristo no Jordão – MR (p. 166)
19. CANTO DE COMUNHÃO – R.: VIMOS SUA ESTRELA NO ORIENTE.. ASSIM VIMOS ADORAR O REI DA GENTE./ 1. Onde foi que nasceu/ o Rei dos Judeus? Em Belém da Judeia/ Conforme diz Miqueias./ 2. No lugar da estrebaria/ Se deteve a estrela guia. Encontraram com alegria/ O Menino com Maria./ 3. E abrindo os seus tesouros/ Deram incenso, mirra e ouro/ Glória ao Pai e ao Menino/ E ao Espírito Divino.
20. ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO – P.: OREMOS: (Pausa) Nutridos pelo vosso sacramento, dai-nos, ó Pai, a graça de ouvir fielmente o vosso Filho amado, para que, chamados filhos de Deus, nós o sejamos de fato. Por Cristo, nosso Senhor. TODOS: AMÉM.
RITOS FINAIS
21. BREVES AVISOS
22. BÊNÇÃO FINAL

Partilha da Palavra
Com a festa do Batismo do Senhor, encerramos o Tempo do Natal. Saímos dos Evangelhos da infância de Jesus e nos colocamos na vigília de sua vida pública. Jesus não precisava ser batizado, mas para exercer a sua missão e difundir pela terra o Reino do Pai, quis receber a unção do Espírito Santo no Batismo dado por João. O Espírito Santo desceu sobre Jesus enquanto Ele rezava e desce sobre a assembleia cristã reunida em oração. Somos filhos e filhas de Deus, no Filho Jesus e sobre nós também os céus se abrem. Jesus, depois do seu Batismo, torna público seu testemunho de parceiro dos pobres na história, somos chamados a segui-lo, transformar nossas palavras e boas intenções em gestos concretos de vida e esperança. Assumir nosso Batismo é buscar com perseverança a mesma coerência presente entre as palavras e a prática de Jesus. O Batismo recebido na infância, é um dom, uma eleição de Deus, uma vocação para a fé. O diálogo de Deus conosco não começa impondo-nos obrigações e tarefas, mas oferecendo-nos a graça e a salvação por Jesus Cristo, dando-nos o seu Espírito e chamando-nos de filhos amados. A revelação feita sobre Jesus no momento do Batismo (pomba- Espírito e voz-Pai) é a confirmação de que Ele tem uma missão especial nessa realidade em que vive. Nosso Batismo nos coloca no grupo de Jesus, a serviço da mesma missão. A missão é grande, abrange a terra inteira, e não estará completa enquanto a humanidade toda não encontrar o caminho do Pai. Mas se a missão é grande, maior é a esperança Daquele que mantém os céus abertos e nos chama de filhos. De modo semelhante a Jesus, pelo Batismo fomos habilitados pelo mesmo Espírito, fomos convocados, não apenas para repetir os ritos do Batismo, mas seguir seu exemplo, divulgar sua mensagem, sua obra, continuar sua missão. Jesus andou por toda parte, fazendo o bem e curando os que estavam dominados pelo demônio; porque Deus estava com Ele. Como estamos vivenciando o nosso compromisso batismal? Estamos exercitando o amor comunitário e missionário, prolongando o bem-querer Divino pelo mundo?

LEITURAS DA SEMANA
Seg.: 1Sm 1,1-8; Sl 115(116),12-13. 14.17. 18-19 (R/. 17a); Mc 1,14-20
Ter.: 1Sm 1,9-20; Cânt.: 1Sm 2,1.4-5.6-7.8abcd (R/. 1a); Mc 1,21b-28
Qua.: Sto. Hilário BDr, MFac. 1Sm 3,1-10.19-20; Sl 39(40),2.5.7-8a.8b-9.10 (R/. 8a.9a); Mc 1,29-39
Qui.: 1Sm 4,1-11; Sl 43(44),10-11.14-15.24-25 (R/. 26d); Mc 1,40-45
Sex.: 1Sm 8,4-7.10-22ª; Sl 88(89),16-17.18-19 (R/. cf. 2a); Mc 2,1-12
Sáb: 1Sm 9,1-4.17-19; 10,1ª; Sl 20 (21), 2-3. 4-5. 6-7 (R/. 2a);Mc 2,13-17
Primeira Semana do Saltério
Primeiro Domingo do Tempo Comum

Você pode Gostar de:

16º Domingo do Tempo Comum (18.07)

16º Domingo do Tempo Comum Ano B – cor verde – 18/07/2021 1. Saudação Presidente …