Página Inicial / Artigos Padres da Arquidiocese / Liturgia – Solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo

Liturgia – Solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo

LITURGIA – 34º DOMINGO COMUM 26. 11.2018

“O meu Reino não é deste mundo!”
1.ACOLHIDA:
Hoje celebramos o último domingo do Ano Litúrgico e iniciamos o Tempo do Advento – esperamos a vinda de Jesus! É tempo de esperança. A Igreja distribui ao longo do ano litúrgico as Leituras bíblicas que revelam o Plano salvador de Deus. Ele nos salvou por meio de Jesus Cristo. Bastaria seguir atentamente a Liturgia Dominical para conhecer claramente o que Deus fez por nós e o que Ele deseja e indica para chegarmos seguramente à glória celestial. A Liturgia Dominical é o caminho de Salvação que Jesus nos oferece. Ele é o Caminho da Salvação.
A Liturgia não é apenas uma narrativa histórica dos feitos de Jesus. Ela é a Salvação oferecida por Jesus. É oferecimento e participação na Vida, na Paixão, na Morte e Ressurreição de Jesus, que nos salva e perdoa mediante seu precioso Sangue derramado na Cruz. Jesus renova sua oferta ao Pai em cada Liturgia que celebramos.

2.PALAVRA DE DEUS:
Dn 7,13-14 – Os poderosos atormentam o Povo de Deus, mas Jesus é o Senhor da História; a palavra final cabe a Ele pronunciá-la.

Ap 1,5-8 – Jesus voltará definitivamente para instalar o Reino de Deus. Virá com glória e todos o reconhecerão como o verdadeiro Messias, para alegria dos bons e desespero dos maus. Será o tribunal divino: Salvação para os bons e condenação para os maus.

Jo 18,33b-37 – Pilatos provocou a Jesus dizendo: “Então você é rei”? Resposta: “Eu sou Rei”! É para isso que Eu vim ao mundo, para dar testemunho da verdade. O meu Reino não é deste mundo, mas quem é da verdade escuta a minha voz!

3.REFLEXÃO:
Realmente, é difícil reconhecer Jesus como Rei e testemunho da verdade; pois nossos ouvidos estão empastados de materialismo que não conseguimos ouvir, entender e aceitar as propostas de Jesus! Mas aqueles que escutam sua Palavra, com atenção e humildade, com certeza, seremos iluminados! As Palavras de Jesus são difíceis, mas Ele deu provas de sua sabedoria. Ele vem de junto do Pai e suas Palavras são espírito e vida! Penso que seja nosso orgulho que impede nosso coração de voltar-se para Deus e escutar suas Palavras! Guardemos nosso coração na humildade, porque Jesus nos ama.

Foi o orgulho que desgraçou os anjos brilhantes do céu; tornaram-se anjos das trevas, infelizes e invejosos dos pobres que acreditam na Palavra de Deus e serão confirmados na glória. Ouvirão, com certeza, o convite de Jesus: “Vinde benditos de meu Pai, vinde tomar posse do Reino que para vós foi preparado!” Não acreditemos nas sugestões de nosso orgulho, mas acolhamos as promessas de Jesus, que morreu como garantia de suas promessas: “Eu sou o Alfa e o Omega, aquele que é que era e que vem, o todo poderoso”! Será que precisamos ouvir Palavras mais fortes que estas para acreditar nEle?

Após 40 anos de publicação, a Liturgia encerra, hoje, sua circulação. Sou grato a Deus e a meus leitores. Bendito e louvado seja Jesus, o Salvador!

Frei Carlos Zagonel
http://www.paroquiansacoxipo.com.br/conteudo.php?sid=44&cid=5401

Você pode Gostar de:

Festa da Imaculada Conceição de Maria no Jardim Leblon

A Paróquia Sagrada Família convida toda a Arquidiocese de Cuiabá para a Festa da Imaculada …