Página Inicial / Artigos Padres da Arquidiocese / Liturgia – Natal do Senhor Jesus

Liturgia – Natal do Senhor Jesus

“Alegremo-nos todos; hoje nasceu o Salvador!”

1.Acolhida.
Alegremo-nos todos, pois, hoje nasceu para nós o Salvador. Hoje, Deus revelou o mistério de seu Filho como luz para iluminar todos os povos. Hoje, celebramos a noite santa em que a Virgem Maria deu ao mundo o Salvador!
Por fim, hoje, não celebramos a “Festa do Papai Noel”, com comidas, bebidas e presentes, mas celebramos o nascimento de Jesus, Deus verdadeiro, nascido pobre entre os pobres e que escolheu viver em nosso meio para nos salvar.

2.Palavra de Deus.
Is 9,1-6 – O Profeta Isaias, valendo-se da libertação política de um povo oprimido e escravizado, anuncia a libertação trazida por um Menino de origem divina. Seu poder dura para sempre e se manifestará na paz, na justiça e na santidade. Ele não quer conquistar o mundo, mas dá-nos a vida eterna!
Tt 2,11-14 – Deus oferece sua graça a todos os povos, mas é necessário abandonar a impiedade e as paixões e viver com equilíbrio, justiça e piedade. Ele nasce para resgatar-nos do pecado e encaminhar-nos para prática do bem!
Lc 2,1-14 – “Hoje, nasceu para vós o Salvador, que é o Cristo Senhor!” Jesus nasce fora de casa, recebe visita de pastores, gente de má vida, e, enfaixado, é deitado num presépio! Mais tarde, será enrolado em lençóis e deitado num sepulcro! Na liturgia, a Igreja celebra o mistério de Jesus: Vida, Morte e Ressurreição.

3.Reflexão.
De acordo com a profecia de Isaias, o povo de Zabulon e Neftali viu a luz da liberdade quando Jesus passou pela região. Ele é a verdadeira luz, Ele dá sentido à vida humana, liberta-nos do pecado e enche nosso coração de vida divina de filhos de Deus. O Menino dá sentido para nossa vida humana. Faltando a luz da fé, que sentido teria o Natal de Jesus para nós? Como você vai celebrar o Natal de Jesus, na comida e na bebida ou na conversão? Iniciemos uma vida nova com Jesus, nascido para nós!

Hoje se manifesta a graça divina e a proposta de uma vida sem corrupção, sem violência e sem paixões depravadas. Natal é fonte de alegria, pois, Jesus veio resgatar-nos de toda a maldade e constituir para si um povo que lhe pertence e que se dedica a praticar o bem. Não é esta a proposta do mundo do “Papai Noel!”

Queremos a proposta de Jesus Menino, nascido entre os pobres para caminhar conosco!

O Imperador romano manda fazer um recenseamento para cobrar impostos de maneira mais eficaz; mas Jesus nasce entre os pobres, não lhes causa medo; pelo contrário, os anjos anunciam uma grande alegria, pois, nasceu para vós o Salvador que é Cristo Senhor. Portanto, ”Glória a Deus no mais alto dos céus e paz na terra aos homens a quem Deus quer bem!” Esta é nossa alegria: Deus nos quer bem!

“Alegremo-nos, porque Deus nos quer bem!”

Frei Carlos Zagonel
Fonte: http://www.paroquiansacoxipo.com.br/conteudo.php?sid=44&cid=3594

Você pode Gostar de:

IV Congresso Vocacional do Brasil – Pastoral Vocacional

Pastoral Vocacional lança site sobre preparação do IV Congresso Vocacional do Brasil. Os representantes da …