Página Inicial / Animação Litúrgica / Solenidade da Imaculada Conceição de Nossa Senhora

Solenidade da Imaculada Conceição de Nossa Senhora

SOLENIDADE DA IMACULADA CONCEIÇÃO DE NOSSA SENHORA EM MARIA DEUS SE ENCARNOU NA HISTÓRIA DA HUMANIDADE.

08 de Dezembro de 2019
SOLENIDADE DA IMACULADA CONCEIÇÃO DE NOSSA SENHORA
ANO A- SÃO MATEUS
Cor litúrgica: Branco
A.: Irmãos e irmãs, neste itinerário do Advento, brilha para nós a estrela da Virgem Imaculada, que foi preservada de qualquer mancha de pecado porque foi escolhida para ser a Mãe do Redentor. Ela é a imagem mais perfeita da realização do plano de Deus e nos dá a conhecer que Ele nos predestinou a sermos santos na Sua presença. Na feliz expectativa, iniciemos a nossa celebração.
RITOS INICIAIS CANTO DE ENTRADA – CD Festas Litúrgicas III – Faixa 01 – https://www.paulus.com.br/loja/appendix/2294.pdf
R..: DE ALEGRIA VIBREI NO SENHOR, POIS VESTIU-ME COM SUA JUSTIÇA, ADORNOUME COM JOIAS BONITAS, / COMO ESPOSA DO REI ME ELEVOU./ 1. Transborda o meu coração em belos versos ao rei, um poema, uma canção com a língua escreverei. De todos és o mais belo, a graça desabrochou em teu semblante, em teus lábios pra sempre Deus te abençoou. / 2. Valente, forte, herói. Pela verdade a lutar, a justiça a defender, vitorioso tu serás. Lutas com arma e poder, o inimigo a correr, eterno é o teu trono, ó Deus, é retidão para valer!/ 3. Ó rei, amas a justiça, odeias sempre a maldade; Com o óleo da alegria ungiu-te o Deus da verdade. Os mais suaves perfumes, as tuas vestes exalam; No teu palácio luxuoso, belos acordes te embalam./ 4. Princesas são tuas damas, a mãe-rainha lá está, toda de ouro adornada, à sua direita a pousar. “Escuta, ó filha, atenção! O rei de ti se encantou, esquece os teus, a tua casa, adora o rei, o teu Senhor!”/ 5. ‘Gente importante, de longe, vem te homenagear!” Eis a princesa tão formosa, vestida em ouro a brilhar. Em meio às damas de honra, ao rei vai se apresentar, por entre grande alegria no seu palácio vai entrar./ 6. Lugar que foi de teus pais, teus filhos vão ocupar, os herdeiros do teu trono a terra hão de governar… Teu nome eu celebrarei, os povos se unirão, os pais, os filhos, para sempre, teu nome, ó rei, louvarão! 2. SAUDAÇÃO DO CELEBRANTE – P.: Em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. – TODOS: AMÉM. – P.: A vós, irmãos e irmãs, paz e fé da parte de Deus, o Pai, e do Senhor Jesus Cristo! – TODOS: BENDITO SEJA DEUS, QUE NOS REUNIU NO AMOR DE CRISTO.
3. ATO PENITENCIAL – P.: Irmãos e irmãs, reconheçamos as nossas culpas para celebrarmos dignamente os santos mistérios. (Pausa). 1) Eu confesso a Deus e a vós, irmãos, tantas vezes pequei, não fui fiel. Pensamentos e palavras, atitudes e omissões. Por minha culpa, tão grande culpa. R.: SENHOR, PIEDADE! CRISTO, PIEDADE! TEM PIEDADE, OH SENHOR! (2x). 2) Peço à Virgem Maria, nossa Mãe, e a vós, meus irmãos, rogueis por mim a Deus Pai, que nos perdoa, e nos sustenta em sua mão. Por seu amor, tão grande amor!
4. HINO DE LOUVOR – Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens por Ele amados! Senhor Deus, Rei dos céus, Deus Pai todo-poderoso: nós Vos louvamos, nós Vos bendizemos, nós Vos adoramos, nós Vos glorificamos, nós Vos damos graças por Vossa imensa glória! Senhor Jesus Cristo, Filho Unigênito, Senhor Deus, Cordeiro de Deus, Filho de Deus Pai. Vós que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós! Vós que tirais o pecado do mundo, acolhei a nossa súplica! Vós que estais à direita do Pai, tende piedade de nós! Só Vós sois o Santo, só Vós o Senhor, só Vós o Altíssimo, Jesus Cristo, com o Espírito Santo, na glória de Deus Pai. Amém.
5. ORAÇÃO DO DIA – P.: OREMOS: (Pausa) Ó Deus, que preparastes uma digna habitação para Vosso Filho, pela Imaculada Conceição da Virgem Maria, preservando-a de todo pecado em previsão dos méritos de Cristo, concedei-nos chegar até Vós purificados também de toda culpa por Sua materna intercessão. Por nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na Unidade do Espírito Santo.
TODOS: AMÉM. LITURGIA DA PALAVRA A.: Meus irmãos, a Virgem Imaculada fortalece o nosso caminho rumo ao Natal, porque nos ensina a viver este tempo do Advento à espera do Senhor. Ouçamos com atenção as leituras de hoje. 6. 1ª LEITURA – Gn3,9–15.20 – Leitura do Livro do Gênesis. Depois que Adão comeu do fruto da árvore, 9 o Senhor Deus o chamou, dizendo: “Onde estás?” 10E ele respondeu: “Ouvi tua voz no jardim, e fiquei com medo porque estava nu; e me escondi”. 11Disse-lhe o Senhor Deus: “E quem te disse que estavas nu? Então comeste da árvore, de cujo fruto te proibi comer?” 12Adão disse: “A mulher que tu me deste por companheira, foi ela que me deu do fruto da árvore, e eu comi”. 13Disse o Senhor Deus à mulher: “Por que fizeste isso?” E a mulher respondeu: “A serpente enganou-me e eu comi”. 14Então o Senhor Deus disse à serpente: “Porque fizeste isso, serás maldita entre todos os animais domésticos e todos os animais selvagens! Rastejarás sobre o ventre e comerás pó todos os dias da tua vida! 15Porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua descendência e a dela. Esta te ferirá a cabeça e tu lhe ferirás o calcanhar”. 20E Adão chamou à sua mulher “Eva”, porque ela é a mãe de todos os viventes. Palavra do Senhor. TODOS: GRAÇAS A DEUS.
7. SALMO RESPONSORIAL – Sl 97 (98) – R.: CANTAI AO SENHOR DEUS UM CANTO NOVO, PORQUE ELE FEZ PRODÍGIOS!/ 1. Cantai ao Senhor Deus um canto novo, porque ele fez prodígios! Sua mão e o seu braço forte e santo alcançaram-lhe a vitória./ 2. O Senhor fez conhecer a salvação, e às nações, sua justiça; recordou o seu amor sempre fiel pela casa de Israel./ 3. Os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus. Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira, alegrai-vos e exultai! 8. 2ª LEITURA -Ef 1,3-6.11-12 -Leitura da Carta de São Paulo aos Efésios 3 Bendito seja Deus, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo. Ele nos abençoou com toda a bênção do seu Espírito em virtude de nossa união com Cristo, no céu. 4 Em Cristo, ele nos escolheu, antes da fundação do mundo, para que sejamos santos e irrepreensíveis sob o seu olhar, no amor. 5 Ele nos predestinou para sermos seus filhos adotivos por intermédio de Jesus Cristo, conforme a decisão da sua vontade, 6 para o louvor da sua glória e da graça com que ele nos cumulou no seu Bem-amado. 11Nele também nós recebemos a nossa parte. Segundo o projeto daquele que conduz tudo conforme a decisão de sua vontade, nós fomos predestinados 12a sermos, para o louvor de sua glória, os que de antemão colocaram a sua esperança em Cristo. Palavra do Senhor. TODOS: GRAÇAS A DEUS. 9. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO – R.: ALELUIA, ALELUIA, ALELUIA!/ Maria, alegra-te, ó cheia de graça, o Senhor é contigo!
10. EVANGELHO – (Lc 1, 26 – 38) – P.: O Senhor esteja convosco. TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. P.: Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo, segundo Lucas. TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR! Naquele tempo: 26O anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré, 27a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José. Ele era descendente de Davi e o nome da virgem era Maria 28O anjo entrou onde ela estava e disse: ‘Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!’ 29Maria ficou perturbada com estas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação. 30O anjo, então, disse-lhe: ‘Não tenhas medo, Maria, porque encontraste graça diante de Deus. 31Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus. 32Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi. 33Ele reinará para sempre sobre os descendentes de Jacó, e o seu reino não terá fim’. 34Maria perguntou ao anjo: ‘Como acontecerá isso, se eu não conheço homem algum?’ 35O anjo respondeu: ‘O Espírito virá sobre ti, e o poder do Altíssimo te cobrirá com sua sombra. Por isso, o menino que vai nascer será chamado Santo, Filho de Deus. 36Também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na velhice. Este já é o sexto mês daquela que era considerada estéril, 37porque para Deus nada é impossível’. 38Maria, então, disse: ‘Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra!’ E o anjo retirou-se. Palavra da Salvação. TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR.
11. HOMILIA
12. PROFISSÃO DE FÉ – Creio em Deus Pai, todo-poderoso, criador do céu e da terra, e em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria, padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; desceu à mansão dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos céus, está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso, donde há de vir a julgar os vivos e os mortos. Creio no Espírito Santo, na Santa Igreja Católica, na comunhão dos Santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da carne, na vida eterna. Amém.
13. ORAÇÃO DOS FIÉIS – P.: Irmãos caríssimos, no dia em que celebramos a Imaculada Conceição de Nossa Senhora, elevemos nossas preces ao Pai, por meio de seu Filho Jesus Cristo.
Rezemos juntos, dizendo: Pela Imaculada Conceição, ouvi-nos, Senhor!
TODOS: PELA IMACULADA CONCEIÇÃO, OUVI-NOS, SENHOR!
1) Confirmai, Senhor, a Vossa Igreja em sua missão e tornai-a sempre mais promotora da vida, da justiça e da verdade do Evangelho, nós Vos rogamos.
TODOS: PELA IMACULADA CONCEIÇÃO, OUVI-NOS, SENHOR!
2) Favorecei com a Vossa bondade, Senhor, os líderes de todos os povos e nações e inspirai-os a tomar decisões acertadas em favor da liberdade, do respeito à dignidade da vida e à promoção da paz, nós Vos rogamos.
TODOS: PELA IMACULADA CONCEIÇÃO, OUVI-NOS, SENHOR!
3) Acompanhai com a Vossa graça, Senhor, os jovens de nosso país e fazei que eles descubram na Virgem Maria uma bondosa Mãe e um sólido exemplo de humildade, pureza e serviço, nós Vos rogamos.
TODOS: PELA IMACULADA CONCEIÇÃO, OUVI-NOS, SENHOR!
4) Guiai, Senhor, os nossos passos, e renovai o nosso empenho na defesa da verdade e do bem e na construção de um mundo novo, nós Vos rogamos.
TODOS: PELA IMACULADA CONCEIÇÃO, OUVI-NOS, SENHOR! (Preces Espontâneas):
P.: Acolhei, ó Deus, o sacrifício de salvação que vos oferecemos na festa da Virgem Maria, concebida sem o pecado original; e, ao proclamarmos que a Vossa graça a preservou de toda culpa, livrai-nos, por sua intercessão, de todo pecado. Por Cristo, nosso Senhor. TODOS: AMÉM! LITURGIA EUCARÍSTICA
14. CANTO DE OFERTAS – Festas Litúrgicas III, p. 21 R.: AVE MARIA, CHEIA DE GRAÇA, MÃE DO SENHOR, BENDITA ÉS TU ENTRE AS MULHERES, DIZ ISABEL. TODAS AS GENTES CELEBRAM HOJE O TEU LOUVOR, TU ÉS NA TERRA A VIRGEM BELA QUE ENCANTA O CÉU./ 1. Louvai, é bom cantar, merece o nosso Deus. Jerusalém renova e junta os filhos seus dos corações feridos quem cuida e Deus dos céus!/ 2. São quantas as estrelas? quem é que vai saber? quem sabe o nome delas só ele tem poder, levanta os humilhados, os maus vai abater./ 3. Cantai a nosso Deus ao som de violões, com nuvens cobre os céus e desfaz os torrões e faz brotar nos campos as ervas e os feijões./ 4. Fornece o alimento às aves e animais, na força dos guerreiros meu Deus não se compraz; quem teme e nele espera lhe agrada muito mais./ 5. Ao Deus do céu louvemos e ao que vem cantemos e ao divino, então, a nossa louvação: os três que são um Deus exalte o povo seu.
15. P.: Orai, irmãos e irmãs… TODOS: RECEBA O SENHOR, POR TUAS MÃOS, ESTE SACRIFÍCIO, PARA GLÓRIA DO SEU NOME, PARA NOSSO BEM E DE TODA A SANTA IGREJA.
16. ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS P.: Acolhei, ó Deus, o sacrifício da salvação que vos oferecemos na Festa da Virgem Maria, concebida sem o pecado original; e, ao proclamarmos que a vossa graça a preservou de toda culpa, livrai-nos, por sua intercessão, de todo o pecado. Por Cristo, nosso Senhor. TODOS: AMÉM.
17. ORAÇÃO EUCARÍSTICA I – Prefácio Maria e a Igreja
18. RITO DA COMUNHÃO
19. CANTO DE COMUNHÃO – Festas Litúrgicas III, p. 22 R. IMACULADA MARIA DE DEUS, CORAÇÃO POBRE, ACOLHENDO JESUS! IMACULADA MARIA DO POVO, MÃE DOS AFLITOS QUE ESTÃO JUNTO À CRUZ!/ 1.Um coração que era Sim para a vida, Um coração que era Sim para o irmão, um coração que era sim para Deus, Reino de Deus renovando este chão!/ 2. Olhos abertos pra sede do povo, passo bem firme que o medo desterra, mãos estendidas que os tronos renegam. Reino de Deus que renova esta terra!/ 3. Faça-se, ó Pai, vossa plena vontade: que os nossos passos se tornem memória do amor fiel que Maria gerou: Reino de Deus atuando na história!
20. ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO – P.: OREMOS: (Pausa) Senhor nosso Deus, que a comunhão na vossa Eucaristia cure em nós as feridas do pecado original, do qual Maria foi preservada de modo admirável ao ser concebida sem pecado. Por Cristo, nosso Senhor. TODOS: AMÉM.
21. ORAÇÃO DO ANO JUBILAR ARQUIDIOCESANO Ó Trindade Santa, nós vos louvamos pelos 60 anos da Arquidiocese de Brasília! Por tudo, nós vos damos graças! Pelo vosso infinito amor manifestado em nossa história. Pelos que se dedicaram generosamente a edificar a Igreja, no coração do Brasil, desde os inícios da nova capital, erguida à sombra da Santa Cruz e sob o manto protetor da Mãe Aparecida. Nós vos damos graças pela fé professada, celebrada e vivida, ao longo destes 60 anos de evangelização. A vós confiamos o amanhã da nossa Igreja arquidiocesana, com a esperança que brota da fé. Renovamos, hoje, o compromisso de caminhar unidos e de evangelizar a todos, com novo ardor missionário, nos diversos espaços do Distrito Federal. Confiantes no amor de Cristo que nos impele, nós suplicamos as vossas bênçãos, neste Ano Jubilar, pela intercessão de Nossa Senhora Aparecida! Amém! RITOS FINAIS
22. BREVES AVISOS 23. BÊNÇÃO FINAL – MR (p. 527) P.: O Deus de bondade, que pelo Filho da Virgem Maria quis salvar a todos, vos enriqueça com sua bênção.
TODOS: AMÉM. P.: Seja-vos dado sentir sempre e por toda parte a proteção da Virgem, por quem recebestes o autor da vida. TODOS: AMÉM. P.: E vós, que vos reunistes hoje para celebrar sua solenidade, possais colher a alegria espiritual e o prêmio eterno. TODOS: AMÉM. P.: Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai e Filho e Espírito Santo. TODOS: AMÉM. CANTOS OPCIONAIS CANTO DE OFERTAS – 1. Sobe a Jerusalém, Virgem oferente sem igual. Vai, apresenta ao Pai teu Menino: luz que chegou no Natal. E, junto à sua cruz, quando Deus morrer, fica de pé. Sim, ele te salvou, mas o ofereceste por nós com toda fé./ 2. Nós vamos renovar este sacrifício de Jesus./Morte e ressurreição, vida que brotou de sua oferta na cruz. Mãe, vem nos ensinar a fazer da vida uma oblação; culto agradável a Deus é fazer a oferta do próprio coração.

Partilha da Palavra
A solenidade da Imaculada Conceição nos coloca dentro do mistério do Natal de Cristo, pois ela foi preservada do pecado para ser a mãe do Redentor. Foi assim que Deus quis: que tudo se realizasse. A nós não é cabível querer determinar como Deus deveria ter feito. Cabe-nos apenas aceitar o desígnio divino, como Maria, sem reserva. A Igreja celebra com júbilo – e não poderia ser por menos – a Virgem Imaculada e Mãe de Cristo. É a festa de todo povo de Deus, dos que perseveram no amor, na misericórdia, na prática do bem. Maria é o instrumento escolhido por Deus, para que Ele realize a plenitude de suas promessas, por meio de seu Filho Jesus Cristo. Maria, criatura fiel, guarda em seu coração todos os fatos e acontecimentos relacionados com a salvação da humanidade, por isso faz parte essencial dentro do Tempo do Advento, pois é a escolhida, dentre todas as mulheres, para nos trazer o Redentor. E o que é que nós esperamos? Exatamente o Salvador, que vem para nos libertar e nos salvar. Interessante observar no Evangelho, além de sua Catequese, o modo como nos fala de pessoas, de lugares, de fatos, ressaltados por Lucas. Tudo acontece em Nazaré, cidade pequena e periférica, sem importância. A Palavra do Senhor alcança Maria na rotina da vida, em sua casa, no meio da labuta necessária. Deus vem silenciosamente, sem alarde, pois Maria, em silêncio de coração, já o guardava dentro de si. Ela já era de Deus, já era servidora do Reino, e com todo o Israel esperava o Messias. Por isso, compreendendo o mistério divino, ela diz seu Sim resoluto. É preciso compreender a história de nosso passado, para saber ler e entender os sinais de Deus no tempo de agora. Assim compreendemos o que Deus espera de nós, qual é a nossa missão. Contemplando o sim de Maria, certamente descobriremos como devemos e podemos dar também nosso sim ao desígnio divino. Deus espera nossa resposta, isso é certo! Deixemo-nos levar pela ação do Espírito de Deus. E disponíveis em seu amor vamos encontrar o caminho que o Senhor deseja que percorramos e também ser capazes de dizer do mesmo jeito de Maria: “Senhor, nós estamos aqui. Realizai em nós vossa santa vontade”. A vida e o Sim de Maria são a vida e o sim da Igreja e de cada cristão. Eis aqui a serva – e os servos – do Senhor, fazei em mim – e em nós – conforme vossa vontade. Amém. (Deus Conosco – Reflexões e Sugestões Litúrgicas – 2019)

Leituras da Semana Seg. Is 35, 1-10; Sl 84 (85); Lc 5, 17-26 Ter. Sta Joana Francisca de Chantal, Rlg, MFac. Is 40, 1-11; Sl 95 (96); Mt 18, 12-14 Qua. S. Dâmaso I, Pp, MFac. Is 40, 25-31; Sl 102 (103); Mt 11, 28-30 Qui. Nossa Senhora de Guadalupe, Padroeira da América Latina, Festa. Gl 4, 4-7; Sl 95(96); Lc 1, 39-47 Sex. Sta Luzia VgMt, memória; Is 48, 17-19; Sl 1, 1-2. 3. 4 e 6 (R/. cf. Jo 8, 12); Mt 11, 16-19 Sáb.: S. João da Cruz PresbDr, memória. Eclo 48, 17-19; Sl 1, 1-2.3.4 e 6; Mt 17, 10- 1311, 16-19. Segunda Semana do Saltério Segundo Domingo do Advento – Ano A

Você pode Gostar de:

Solenidade de Nossa Senhora Aparecida

SOLENIDADE DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO APARECIDA PADROEIRA DO BRASIL RITOS INICIAIS CANTO 1 -HINO …