Página Inicial / Animação Litúrgica / Festa do Batismo do Senhor(10.01)

Festa do Batismo do Senhor(10.01)

Ano B – cor branca – 10/01/2021

1. Saudação
Presidente – Amados irmãos e irmãs, paz e bem da parte de nosso Senhor Jesus Cristo. Nós os acolhemos com muita alegria e carinho! Sejam bem-vindos para fazer memória do batismo de Jesus e nosso também. Recordamos hoje o dia em que Jesus foi batizado por João Batista, e revelou para nós Sua missão, como Filho amado e fiel ao Pai. Renovando nosso compromisso batismal, façamos o sinal que nos reúne na fé e nos identifica como cristãos batizados. Em nome do Pai…
Presidente – A graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a comunhão do Espírito Santo estejam convosco. Bendito seja Deus…
Animador(a) – Assumir o nosso Batismo é buscar com perseverança a mesma coerência presente entre as palavras e a prática de Jesus. É tarefa nossa ajudar a todos os nossos irmãos(ãs) a entenderem que o Batismo nos insere em uma grande família, que pode nos levar a descobrir o sentido da vida, principalmente no mundo de hoje. Na esperança de que a Luz do Senhor nunca se apague em nossas vidas e em nossa caminhada rumo aos céus, vamos trazer presente as motivações para celebrarmos bem nossa fé e nossa vida. (Recordação da vida).
2. Deus nos perdoa
Presidente – Mergulhados com Cristo nas águas do Batismo, morremos para o pecado e ressurgimos para uma vida nova. Acolhamos o símbolo que nos purifica de nossas faltas, pelo qual seremos aspergidos.
3. Hino do Glória
Presidente – Glorifiquemos ao Pai que em Jesus Cristo reafirma Sua aliança com toda a humanidade, cantando.
4. Oração Presidente
– Oremos – (silêncio) Deus de amor, sendo o Cristo batizado no Jordão, e pairando sobre Ele o Espírito Santo, o declarastes solenemente Vosso Filho, concedei aos vossos filhos adotivos, renascidos da água e do Espírito Santo, perseverar constantemente em Vosso amor. Por nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém.
Deus nos fala
5. Leitura do Livro do Profeta Isaías (42, 1-4.6-7)
6. Salmo Responsorial 28 (CD Cantando os Salmos – Ano B) Que o Senhor abençoe, com a paz, o seu povo! (bis)
7. Leitura dos Atos dos Apóstolos (10, 34-38)
8. Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos (1, 7-11)
9. Partilha da Palavra
Nossa resposta
10. Profissão de Fé
Presidente – No Deus compassivo e misericordioso, que pelo Batismo nos adotou como seus filhos (as), professemos a nossa fé. Creio em Deus Pai…
11. Preces da Comunidade Presidente – C o m o B a t i s m o fo m o s adotados como filhos e filhas amados do Pai. Confiantes na Sua bondade, façamos os pedidos de nossa comunidade. Após cada prece, cantemos. Ouvi Deus de amor, o nosso clamor. (Ofício Divino das Comunidades)
12. Apresentação dos Dons
Animador(a) – Celebrando o Batismo de Jesus feito por João Batista recordamos o nosso e tomamos consciência de nossa identidade e de nossa missão. Pelo Batismo, fomos adotados como filhos e filhas amados e nossa vida tem que ser luz e libertação para todas as pessoas. Apresentemos ao altar do Senhor nosso compromisso em assumir com mais ardor missionário a missão que o Senhor nos confiou pelo Batismo de ser fermento, sal e luz na família, na comunidade e na sociedade.
Coleta Fraterna
Ação de Graças
13. Louvação
Presidente – Louvemos a Deus por todas as Pastorais e equipes que se dedicam à catequese do Batismo, cantando.
Deus nos faz irmãos
14. Pai Nosso Presidente – Como irmãos e irmãs filhos do mesmo Pai, rezemos confiantes a oração que Jesus nos ensinou. Pai Nosso…
15. Momento da Paz
Animador(a) – Pelo batismo somos chamados a anunciar o Reino de Deus e sermos construtores da paz. Rezemos em silêncio pela paz.
16. Oração Presidente – Oremos – (silêncio) Nutridos pela Vossa Palavra (e pela Comunhão), dai-nos, ó Pai de amor, a graça de ouvir fielmente o Vosso Filho amado para que, chamados filhos de Deus, nós o sejamos de fato. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.
Deus nos envia
17. Breves Avisos
18. Refletindo o Sacramento do Batismo
A ação de batizar nas águas não era incomum na época e tinha a conotação de purificação e perdão dos pecados. Era também um rito de iniciação importante para quem desejava seguir o estilo de vida proposto pelo Batista e por outros da época : humildade, renúncia, vida comunitária, conversão. Jesus participa dessa ação como um símbolo, pois Ele mesmo é o destino da conversão provocada por esse novo modo de viver, mas o faz também para estender o seu alcance: o Batismo que Ele oferece não será mais um simples ritual iniciático ou de purificação, mas, pela força do Espírito, fará a admissão no novo Reino que se instaura. O Batismo, que hoje a Igreja celebra, é rito de iniciação, pois inicia a participação do fiel na vida eclesial; mas é, sobretudo, a admissão ao Reino de Deus. Não é que nos tornamos participantes do Reino só após o momento do Batismo, mas nos comprometemos com ele, com sua construção, com seu crescimento. Por isso, o Batismo não é fim, mas começo – assim como foi com Jesus. O batizado inicia um caminho que deve ser trilhado na direção de edificação constante do Reino de Deus, para todos.
19. Bênção
Presidente – Concedei, ó Deus, ao povo cristão, conhecer a fé que professa e amar a liturgia que celebra. Amém.
– Abençoe-vos o Deus que é Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.
Ide em paz realizando a vossa missão de testemunhar Jesus Cristo na companhia do Senhor. Graças a Deus.

Meditando a Palavra de Deus
Com a festa do Batismo de Jesus no Jordão encerra-se o Ciclo do Natal, tempo em que recordamos a vinda de Deus até nós. Concluem-se, pois, as festas relacionadas à manifestação do Senhor. O Batismo de Jesus nos faz lembrar do nosso, seu significado, os compromissos dele advindos. Jesus não precisava ser batizado no sentido do batismo de penitência de João ou do batismo de regeneração, da Igreja. Desde sua concepção no seio da Virgem Maria, Jesus já era o Messias. Mas para exercer a sua missão, a fim de difundir pela terra o Reino do Pai, como sacerdote, rei e profeta, Jesus quis receber a unção do Espírito Santo no batismo dado por João. O Espírito Santo manifesta Jesus como Filho bem-amado de Deus. E a partir dessa unção, Jesus inicia sua obra messiânica já anunciada pelo profeta Isaías, que fala que o Servo foi constituído para abrir os olhos dos cegos, tirar os cativos das prisões, livrar do cárcere os que vivem nas trevas. Neste quadro, como discípulos missionários temos de nos perguntar: quem são hoje os cativos, os que vivem nas trevas, e o que podemos fazer por esses irmãos e irmãs? Também Pedro proclama que “Deus ungiu com o Espírito Santo e com poder a Jesus de Nazaré, que passou fazendo o bem e curando a todos aqueles que haviam caído no poder do diabo, porque Deus estava com ele. No discurso na casa de Cornélio, Pedro afirma que Deus não faz diferença entre as pessoas; não distingue nem privilegia um povo ou uma raça, mas aceita a todos e a cada um que O reconhece como Senhor, e pratica a justiça. Animados e fortalecidos pelo Espírito Santo, iremos viver a vocação e a missão de batizados, de filhos e filhas de Deus, na vivência semanal do Mistério Pascal de Cristo, na Eucaristia Dominical e na vida feita eucaristia. No exercício do amor fraterno, comunitário e missionário prolonga-se o amor e o bem-querer divino pelo seu povo. O Espírito Santo desceu sobre Jesus enquanto rezava. Ele desce também sobre a assembleia cristã reunida em oração, reconhecendo-nos como filhos e filhas bem-amados de Deus em Jesus Cristo.

Leituras da Semana
2ª feira: Hb 1,1-6; Sl 96; Mc 1,14-20
3ª feira: Hb 2,5-12; Sl 8; Mc 1,21b-28
4ª feira: Hb 2,14-18; 1Jo 2,18-25; Sl 104; Mc 1,29-39
5ª feira: Hb 3,7-14; Sl 94; Mc 1,40-45
6ª feira: Hb 4,1-5.11; Sl 77; Mc 2,1-12
Sábado: Hb 4,12-16; Sl 18; Mc 2,13-17
Domingo: 1Sm 3,3b-10.19; Sl 39; 1Cor 6,13c-15a.17-20; Jo 1,35-42

Você pode Gostar de:

1º Domingo do Advento (29.11)

1º Domingo do Advento Ano B – cor roxa – 29/11/2020 1. Saudação Presidente – …