Página Inicial / Notícias / Sínodo dos Bispos (Vaticano)

Sínodo dos Bispos (Vaticano)

No número 225 do Documento de Aparecida, nós pastores concluímos que muitos deixam a Igreja Católica buscando outros grupos religiosos não por aquilo que esses outros grupos religiosos pensam, nem por razões dogmáticas, mas por razões pastorais e metodológicas na nossa Igreja”, disse dom Walmor.

“Os leigos não podem ser simplesmente receptores da palavra, mas seus ouvintes fiéis e também preparados anunciadores”, afirmou o arcebispo, citando o número 50 do Instrumento de Trabalho do Sínodo. Segundo informou à Rádio Vaticano, dom Walmor pediu que os órgãos competentes da Santa Sé, como por exemplo, Congregação para a Doutrina da Fé, Congregação para a Liturgia e a Disciplina dos Sacramentos, estudem  o modo de dar aos leigos, “no contexto de nossa Igreja, missões, ministérios – como o Ministério da Palavra, em função da catequese, dos grupos bíblicos  e, sobretudo, da celebração da palavra, [com] uma oficialidade, em nível normativo e ritual, de tal modo que nós possamos cobrir com uma grande rede de ministros todos os espaços onde as pessoas estão”, afirmou.

Dom Walmor ressaltou que, com a  leitura orante da bíblia, “vamos dar uma grande resposta missionária  no nosso contexto e fazer uma mudança e uma presença significativa, não simplesmente para afrontar ou responder aos desafios daqueles que deixam a Igreja, mas para  dar repostas ao relativismo e aos problemas morais e, sobretudo, conscientização social e política à luz do evangelho que encontramos na palavra de Deus”.

Durante esta tarde os padres sinodais visitaram a Basílica de São Paulo Fora dos muros, em peregrinação ao túmulo do Apóstolo dos Gentios.

Você pode Gostar de:

Papa: ser cristão é superar discriminações. O batismo confere igual dignidade a todos

“As diferenças e os contrastes que criam separação não deveriam existir entre os fiéis em …