Página Inicial / Artigos Padres da Arquidiocese / Liturgia 28º Domingo Comum

Liturgia 28º Domingo Comum

LITURGIA – 28º DOMINGO COMUM – 11 de outubro de 2015

“Como é difícil para os ricos entrar no Reino de Deus!”

1.Acolhida.
Irmãos e irmãs, ninguém pode ficar na presença de Deus e viver. Nós somos como as trevas que a luz espanta. Deus pode iluminar nossas trevas, transformá-las em luz e, então, seremos luz para o mundo de nosso tempo.  A Palavra de Deus é a luz que Jesus nos oferece nesta celebração. Deixemo-nos iluminar por ela e sejamos luz para nossos irmãos.

2.Palavra de Deus
Sb 7,7-11 – O autor do Livro da Sabedoria põe em confronto a sabedoria do mundo grego com a sabedoria de Deus. Não há possibilidade de troca ou negociação. A sabedoria humana conduz à morte, mas a sabedoria divina dá-nos a alegria imortal.

Hb 4,12-13 – A sabedoria divina está na Palavra de Deus – viva, eficaz e cortante – Ela ilumina nosso íntimo, desvenda todos os segredos do coração humano e nada pode ocultar-se em sua presença. A Palavra de Deus, hoje, é Jesus que nos amou e morreu por nós!

Mc 10,17-30 – Para entender a Palavra de Deus não basta ser honesto e nem é suficiente ser pobre. É preciso deixar-se tocar por Deus, vender todos os bens, indenizar os pobres prejudicados por nós mesmos e depois disso sim, seguir a Jesus.  Veja bem, irmão, irmã, Deus não combina com riqueza mal adquirida!

3.Reflexão.
Jesus ficou bem impressionado com o rico que viveu honestamente os valores de sua tradição familiar! Mas este não se havia dado conta que o acúmulo de bens não agrada a Deus e que dele apenas podemos nos aproximar quando indenizarmos os pobres explorados e com eles partilharmos a bens adquiridos.

A proposta de Jesus é loucura para o mundo, mas é sabedoria de Deus! É o caminho seguro que conduz à salvação. Seguir Jesus não é caminho fácil e nem tem o “jeitinho brasileiro”. É exigente, radical, mas é caminho seguro para a salvação eterna.

A Sabedoria de Jesus é sua Palavra que nos é proclamada em todas as celebrações. Sua Palavra não é um relato antigo que sobrevive nos livros. A Palavra de Deus é viva (atual: Deus fala agora), é eficaz (faz acontecer o que anuncia) e é mais cortante que uma espada de dois gumes. Nada pode ocultar-se à sua ação. Diante dela não conseguimos esconder-nos e nem camuflar nossas verdadeiras intenções. A Palavra de Deus é sabedoria e luz divina que pode iluminar nossos passos pelos caminhos da vida rumo à eternidade.

A Palavra de Deus, proclamada na Igreja, é o próprio Jesus, presente na assembléia, ensinando e repassando para nós a sabedoria divina- Como escutamos a Palavra proclamada na Igreja? Na maioria das vezes, nem se quer a ouvimos!

“A Palavra de Deus é viva, eficaz e mais cortante que a espada de dois gumes!”

Frei Carlos Zagonel
Fonte: http://www.paroquiansacoxipo.com.br/conteudo.php?sid=44&cid=3424

Você pode Gostar de:

Liturgia do 13º Domingo do Tempo Comum 27.06.2021

“DEUS NÃO FEZ A MORTE E NEM TEM PRAZER COM A DESTRUIÇÃO DOS VIVOS!” 1.Acolhida …