Página Inicial / Animação Litúrgica / 2ºDomingo do Advento (09.12)

2ºDomingo do Advento (09.12)

SOMOS CHAMADOS A PREPARAR O CAMINHO DO SENHOR
9 de dezembro de 2018
SEGUNDO DOMINGO DO ADVENTO – ANO C – SÃO LUCAS
Cor litúrgica: roxo
A: Irmãos amados, a voz de João Batista continua clamando no deserto de nossa realidade, convidando-nos à conversão e preparando-nos para escutar a voz do Cristo. Fiquemos de pé e iniciemos a nossa
celebração.
RITOS INICIAIS
1. CANTO DE ENTRADA – (HINÁRIO DA CNBB, 1º FASCÍCULO, P. 85)
1. Quando virá, Senhor, o dia em que apareça o Salvador e se efetue a profecia: “Nasceu do mundo o
Redentor”?/ R.: ORVALHAI LÁ DO ALTO, Ó CÉUS, E AS NUVENS CHOVAM O JUSTO. / 2. Aquele dia
prometido, a antiga fé de nossos pais, dia em que o mal será banido, mudando em risos nossos ais!/ 3.
Quando, felizes o veremos, no firmamento dispersar e a espargir clarões supremos, da Terra as trevas
dissipar?/ 4. Filha de reis, ó Virgem pura, sai da modesta posição. Em ti, embora criatura, de Deus se fez a
encarnação!
2. SAUDAÇÃO DO CELEBRANTE – P.: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. TODOS: AMÉM. P.: A
graça e a paz de Deus, nosso Pai, e de Jesus Cristo, nosso Senhor, estejam convosco. TODOS: BENDITO
SEJA DEUS, QUE NOS REUNIU NO AMOR DE CRISTO.
3. ONDE HOUVER COROA DO ADVENTO
A: Estamos nos preparando para celebrar a festa de luz e de vida: o Nascimento do Salvador.
Acrescentamos a esta coroa do advento uma luz a cada domingo deste tempo, para que relembremos a
escuridão do mundo pecador antes da vinda do Salvador.
(após acender as velas, rezar a seguinte oração):
P.: Oremos: Senhor, acendemos as velas desta coroa para que possamos preparar nossos corações para o
advento do Vosso Filho. Protegei-nos dos maus costumes e inflamai nossos corações a uma contínua
conversão de vida, para que, servindo a vós em nossos irmãos, possamos fugir da escuridão do pecado e ir
ao encontro do nosso Salvador, Jesus Cristo, que vive e reina na unidade do Espírito Santo. TODOS: AMÉM.
4. ATO PENITENCIAL – P.: O Senhor Jesus, que nos convida à mesa da Palavra e da Eucaristia, nos chama à
conversão. Reconheçamos ser pecadores e invoquemos com confiança a misericórdia do Pai. P.: Senhor,
que sois o defensor dos pobres, tende piedade de nós. TODOS: SENHOR, TENDE PIEDADE DE NÓS. P.:
Cristo, que sois o refúgio dos fracos, tende piedade de nós. TODOS: CRISTO, TENDE PIEDADE DE NÓS. CEL.:
Senhor, que sois a esperança dos pecadores, tende piedade de nós. TODOS: SENHOR, TENDE PIEDADE DE
NÓS. P.: Deus todo-poderoso tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida
eterna. TODOS: AMÉM.
5. ORAÇÃO DO DIA – P.: OREMOS: (Pausa) – Ó Deus todo-poderoso e cheio de misericórdia, nós vos
pedimos que nenhuma atividade terrena nos impeça de correr ao encontro do vosso Filho, mas, instruídos
pela vossa sabedoria, participemos da plenitude de sua vida. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na
unidade do Espírito Santo. TODOS: AMÉM.
LITURGIA DA PALAVRA
A.: Irmãos, a Palavra de Deus nos convoca a endireitar os caminhos tortuosos do nosso coração para
contemplarmos a salvação de Deus. Ouçamos atentamente as leituras de hoje.
6. 1ª LEITURA (Br 5, 1-9) – Leitura do Livro do Profeta Baruc.
1Despe, ó Jerusalém, a veste de luto e de aflição, e reveste, para sempre, os adornos da glória vinda de
Deus. 2Cobre-te com o manto da justiça que vem de Deus e põe na cabeça o diadema da glória do Eterno.
3Deus mostrará teu esplendor, ó Jerusalém, a todos os que estão debaixo do céu. 4Receberás de Deus este
nome para sempre: “Paz-da-justiça e glória-da-piedade”. 5Levanta-te, Jerusalém, põe-te no alto e olha para
o Oriente! Vê teus filhos reunidos pela voz do Santo, desde o poente até o levante, jubilosos por Deus ter se lembrado deles. 6Saíram de ti, caminhando a pé, levados pelos inimigos. Deus os devolve a ti, conduzidos com honras, como príncipes reais. 7Deus ordenou que se abaixassem todos os altos montes e
as colinas eternas, e se enchessem os vales, para aplainar a terra, a fim de que Israel caminhe com
segurança, sob a glória de Deus. 8As florestas e todas as árvores odoríferas darão sombra a Israel, por
ordem de Deus. 9Sim, Deus guiará Israel, com alegria, à luz de sua glória, manifestando a misericórdia e a
justiça que dele procedem. Palavra do Senhor. TODOS: GRAÇAS A DEUS.
7. SALMO RESPONSORIAL – (DO SALMO 125 / 126).
R.: MARAVILHAS FEZ CONOSCO O SENHOR, EXULTEMOS DE ALEGRIA! / 1. Quando o Senhor reconduziu
nossos cativos, parecíamos sonhar; encheu-se de sorriso nossa boca, nossos lábios, de canções./ 2. Entre
os gentios se dizia: “Maravilhas fez com eles o Senhor!” Sim, maravilhas fez conosco o Senhor, exultemos
de alegria! / 3. Mudai a nossa sorte, ó Senhor, como torrentes no deserto. Os que lançam as sementes
entre lágrimas, ceifarão com alegria. / 4. Chorando de tristeza sairão, espalhando suas sementes; cantando
de alegria voltarão, carregando os seus feixes!
8. 2ª LEITURA (Fl 1, 4-6.8-11) – Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Filipenses.
Irmãos: 4Sempre em todas as minhas orações rezo por vós, com alegria, 5por causa da vossa comunhão
conosco na divulgação do Evangelho, desde o primeiro dia até agora. 6Tenho a certeza de que aquele que
começou em vós uma boa obra, há de levá-la à perfeição até o dia de Cristo Jesus. 8Deus é testemunha de
que tenho saudade de todos vós, com a ternura de Cristo Jesus. 9E isto eu peço a Deus: que o vosso amor
cresça sempre mais, em todo o conhecimento e experiência, 10para discernirdes o que é o melhor. E assim
ficareis puros e sem defeito para o dia de Cristo, 11cheios do fruto da justiça que nos vem por Jesus Cristo,
para a glória e o louvor de Deus. Palavra do Senhor. TODOS: GRAÇAS A DEUS.
9. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO – R.: ALELUIA, ALELUIA, ALELUIA! Preparai o caminho do Senhor,
endireitai suas veredas. Toda carne há de ver a salvação do nosso Deus.
10. EVANGELHO – (Lc 3, 1-6) – P.: O Senhor esteja convosco. TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. P.:
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas. TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR!
P.: 1No décimo quinto ano do império de Tibério César, quando Pôncio Pilatos era governador da Judeia,
Herodes administrava a Galileia, seu irmão Filipe, as regiões da Itureia e Traconítide, e Lisânias a Abilene;
2quando Anás e Caifás eram sumos sacerdotes, foi então que a palavra de Deus foi dirigida a João, o filho
de Zacarias, no deserto. 3E ele percorreu toda a região do Jordão, pregando um batismo de conversão para
o perdão dos pecados, 4como está escrito no Livro das palavras do profeta Isaías: “Esta é a voz daquele que
grita no deserto: ‘preparai o caminho do Senhor, endireitai suas veredas. 5Todo vale será aterrado, toda
montanha e colina serão rebaixadas; as passagens tortuosas ficarão retas e os caminhos acidentados serão
aplainados. 6E todas as pessoas verão a salvação de Deus’”. Palavra da Salvação. TODOS: GLÓRIA A VÓS,
SENHOR.
11. HOMILIA
12. PROFISSÃO DE FÉ – Creio em Deus Pai, todo-poderoso, criador do céu e da terra, e em Jesus Cristo, seu
único Filho, nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria,
padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; desceu à mansão dos mortos, ressuscitou
ao terceiro dia, subiu aos céus, está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso, donde há de vir a julgar
os vivos e os mortos. Creio no Espírito Santo, na Santa Igreja Católica, na comunhão dos Santos, na
remissão dos pecados, na ressurreição da carne, na vida eterna. Amém.
13. ORAÇÃO DOS FIÉIS – P.: Irmãos caríssimos, elevemos a Deus as nossas preces pelas necessidades da
Igreja e do mundo inteiro, dizendo: Vinde, Senhor Jesus!
TODOS: VINDE, SENHOR JESUS!
1) Pelo Santo Padre, o Papa Francisco, para que continue levando aos desertos do mundo a Boa Nova de
Cristo a todos os povos, rezemos ao Senhor.
TODOS: VINDE, SENHOR JESUS!
2) Pelo nosso Cardeal Arcebispo, Dom Sérgio da Rocha, que no próximo dia 14 comemora 34 anos de
sacerdócio, para que conte sempre com nossas orações e Deus o cumule de graças e bênçãos, rezemos
ao Senhor.
TODOS: VINDE, SENHOR JESUS!
3) Pelos governantes do nosso país, para que trabalhem, com humildade e sabedoria, na construção de
um Brasil justo e solidário, onde todos vivam com dignidade, rezemos ao Senhor.
TODOS: VINDE, SENHOR JESUS!
4) Por todas as pessoas que preparam os caminhos do Senhor, para que, a exemplo de João Batista, sejam
revestidas de fortaleza, de sabedoria e coragem, rezemos ao Senhor.
TODOS: VINDE, SENHOR JESUS!
5) Por todos nós, para que, confiantes na graça de Deus, saibamos enfrentar e vencer todos os obstáculos
que encontramos na vivência da fé e da esperança, rezemos ao Senhor.
TODOS: VINDE, SENHOR JESUS!
(Preces Espontâneas)
P.: Atendei, ó Deus, os pedidos do Vosso povo e concedei que sejamos fiéis aos ensinamentos do Vosso
Filho, que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.
TODOS: AMÉM.
LITURGIA EUCARÍSTICA
CANTO DE OFERTAS – HINÁRIO DA CNBB, P.62
R.: A NOSSA OFERTA APRESENTAMOS NO ALTAR E TE PEDIMOS: VEM, SENHOR, NOS LIBERTAR!/ 1. A
chuva molhou a terra, o homem plantou um grão. A planta deu flor e frutos, do trigo se fez o pão./ 2. O
homem plantou videiras, cercou-as com seu carinho. Da vinha brotou a uva, da uva se fez o vinho./ 3. Os
frutos da nossa terra e as lutas dos filhos teus serão, pela tua graça, pão vivo que vem dos céus./ 4.
Recebe, Pai, nossas vidas, unidas ao pão e vinho e vem conduzir teu povo, guiando-o no teu caminho.
15. P.: Orai, irmãos e irmãs…
16. ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS – P.: Acolhei, ó Deus, com bondade nossas humildes preces e
oferendas, e, como não podemos invocar os nossos méritos, venha em nosso socorro a vossa misericórdia.
Por Cristo, nosso Senhor. TODOS: AMÉM.
17. ORAÇÃO EUCARÍSTICA III – MR (p. 482) – Prefácio do Advento I – As duas vindas de Cristo – MR (p.
406)
18. RITO DA COMUNHÃO
19. CANTO DE COMUNHÃO – HINÁRIO DA CNBB P. 34
1. Jerusalém, povo de Deus, Igreja santa levanta e vai, sobe as montanhas, ergue o olhar: Lá no oriente
desponta o sol da alegria que vem de Deus aos filhos teus: eis o teu dia!/ 2. Louva, Jerusalém, louva o Senhor
teu Deus: tuas portas reforçou e os teus abençoou; te cumulou de paz e o trigo em flor te traz!/ 3. Sua palavra
envia corre veloz sua voz, da névoa desce o véu unindo a terra e o céu; as nuvens se desmancham, o vento
sopra e avança. / 4. Ao povo revelou Palavras de amor. A sua lei nos deu e o mandamento seu; Com ninguém
fez assim, amou até o fim. 5. / Ao Deus do céu louvemos e ao que vem, cantemos; e ao divino, então a nossa
louvação! Aos três, que são um Deus, exalte o povo seu!
20. ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO – P.: OREMOS: (Pausa) Alimentados pelo pão espiritual, nós vos
suplicamos, ó Deus, que, pela participação nesta Eucaristia, nos ensineis a julgar com sabedoria os valores
terrenos e colocar nossas esperanças nos bens eternos. Por Cristo, nosso Senhor. TODOS: AMÉM.
21. ORAÇÃO DA CAMPANHA PARA A EVANGELIZAÇÃO
Deus, nosso Pai, quereis a salvação de todos os povos da Terra. Nós vos pedimos que susciteis em nós o
compromisso com a Evangelização, para que todos conheçam a vida que de Vós provém. Nós vos pedimos
que nossos projetos evangelizadores sirvam para nossa santificação e da sociedade inteira que, assim, será
justa, fraterna e solidária. Nós vos pedimos que, em nossas comunidades e em toda a Igreja no Brasil, cresça o sentimento de partilha e que, por meio da Coleta para a Evangelização e do testemunho de
comunhão, todas as comunidades recebam a força do Evangelho. Por Cristo, nosso Senhor. Amém!
RITOS FINAIS
22. BREVES AVISOS
23. BÊNÇÃO FINAL – MR (p. 520)
P.: O Senhor esteja convosco.
TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS.
P.: Que o Deus onipotente e misericordioso vos ilumine com o advento do seu Filho, em cuja vinda credes
e cuja volta esperais, e derrame sobre vós as suas bênçãos.
TODOS: AMÉM.
P.: Que durante esta vida ele vos torne firmes na fé, alegres na esperança, solícitos na caridade.
TODOS: AMÉM.
P.: Alegrando-vos agora pela vinda do Salvador feito homem, sejais recompensados com a vida eterna,
quando vier de novo em sua glória.
TODOS: AMÉM.
P.: Abençoe-vos o Deus todo-poderoso, Pai e Filho e Espírito Santo.
TODOS: AMÉM.
Preparando a Partilha da Palavra
A primeira leitura é uma mensagem de esperança endereçada a Jerusalém despojada de seus filhos. O texto recorda uma fase trágica na história do povo de Deus, quando estava cativo na Babilônia, mas mostra, também, a festa triunfal do retorno do povo de Deus do exílio. Jerusalém é chamada por Deus de “Paz na Justiça e Glória na Piedade”, revelando, assim que na nova comunidade que será instaurada, as relações humanas serão fundadas na justiça e voltadas para a paz. Deus mesmo “mandou abaixar os montes, as colinas, encher os vales, até aplainar o solo, para que Israel caminhe com segurança”. Ele é muito misericordioso e cheio de justiça! Sua bondade é maior que todas as crises e tragédias humanas. Na
segunda leitura, Paulo faz um pedido a Deus para que o amor dos filipenses cresça sempre mais, em todo o conhecimento. O apóstolo agradece a Deus por ver a comunidade, por ele fundada, assumir a sua causa, solidário com ele, certamente também nos momentos difíceis e de sofrimento. Podemos ver que, em sua oração, o Apóstolo se preocupa com o bem de todos, não, pois, voltado para si mesmo. Assim ele ensina à comunidade a continuar sempre solidária com todos os sofredores. Preparar os caminhos do Senhor, preparar para a sua vinda, com decisiva conversão, eis o apelo de Deus para nós, hoje. João Batista percorre toda a região do Jordão, obedecendo ao chamado de Deus. Sua missão é narrada com referências à profecia de Isaías. São Lucas faz a ligação entre o precursor e todos os que antes dele prepararam o caminho do Senhor. Na missão de precursor do Messias, figura central do Advento, João nos convida a
endireitar a vida em fidelidade ao projeto de Deus. Por sua coragem, sua pobreza radical, pela vida contemplativa e experiência de Deus no deserto, João Batista nos chama à conversão, para que toda a humanidade “veja a salvação de Deus”. É dentro de nossa realidade concreta que Deus nos chama a
viver seu projeto, a “vestir o manto da justiça e da misericórdia”, a deixar as marcas de nossa passagem, respondendo ao apelo do Espírito. Sua Palavra hoje questiona a nossa vida pessoal, critica o jeito da sociedade se organizar, exige que se trabalhe pela justiça, pelo direito de todos, preparando a chegada do
Reino de Deus. A voz de João Batista continua clamando no deserto de nossa realidade, convidando-nos à Conversão. O que cada um de nós está fazendo em preparação para a chegada do Salvador?

LEITURAS DA SEMANA
Seg. Sta Joana Francisca de Chantal, Rlg, MFac. Is 35, 1-10; Sl 84 (85); Lc 5, 17-26
Ter. S. Dâmaso I, Pp, MFac. Is 40, 1-11; Sl 95 (96); Mt 18, 12-14
Qua. Nossa Senhora de Guadalupe, Padroeira da América Latina, Festa. Gl 4, 4-7; Sl 95(96); Lc 1, 39-47
Qui. Sta Luzia VgMt, memória; Is 41, 13-20; Sl 144 (145); Mt 11, 11-15
Sex. S. João da Cruz PresbDr, memória. Is 48, 17-19; Sl 1, 1-2. 3. 4 e 6 (R/. cf. Jo 8, 12); Mt 11, 16-19
Sáb.: Eclo 48, 1-4.9-11; Sl 79 (80); Mt 17, 10-13.
Segunda Semana do Saltério
Segundo Domingo do Advento – Ano C

Você pode Gostar de:

28º Domingo do Tempo Comum(14.10)

SEGUIR JESUS É PRATICAR OS SEUS ENSINAMENTOS 14 de outubro de 2018 VIGÉSIMO OITAVO DOMINGO …