Página Inicial / Animação Litúrgica / Solenidade da Santa Mãe de Deus,Maria(01.01)

Solenidade da Santa Mãe de Deus,Maria(01.01)

Dia Mundial da Paz – Ano B- cor branca ou dourada – 01/01/2021

1. Saudação
Presidente – Queridos irmãos e irmãs, sejam todos bem-vindos! É com grande alegria que nos reunimos para fazer memória da Páscoa do Senhor nesta Solenidade da Santa Mãe de Deus. É no seio de Maria que Deus assume a nossa humanidade e vem viver entre nós. Este mistério renova o mundo, dá valor aos nossos trabalhos cotidianos e fortalece o nosso empenho em lutar por um mundo melhor para todos. Reunidos como filhos do Deus da vida, façamos o sinal de nossa fé. Em nome do Pai…
Presidente – O Deus da esperança que nos cumula de toda alegria e paz em nossa fé, pela ação do Espírito Santo, esteja convosco. Bendito seja Deus…
Animador(a) – Hoje é um dia de festa, alegria e esperança e são muitos os motivos pelos quais queremos agradecer e louvar a Deus. Coloquemos em Suas mãos nossa vida pessoal, familiar, comunitária e social (recordação da vida).
2. Deus nos perdoa
Presidente – Em Jesus Cristo, o Justo, que intercede por nós e nos reconcilia com o Pai, abramos o nosso coração ao arrependimento e peçamos perdão de nossas faltas e omissões (silêncio).
– Senhor, Filho de Deus, que nascendo da Virgem Maria Vos fizestes nosso irmão, tende piedade de nós. Senhor, tende piedade de nós.
– Cristo, Filho do homem, que conheceis e compreendeis nossa fraqueza, tende piedade de nós. Cristo, tende piedade de nós.
– Senhor, Filho primogênito do Pai, que fazeis de nós uma só família, tende piedade de nós. Senhor, tende piedade de nós. Presidente
– Deus, Pai de bondade, tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna. Amém.
3. Hino do Glória
Presidente – Glorifiquemos ao Deus da Vida que nos enviou Seu Filho amado, cantando alegremente.
4. Oração
Presidente – Oremos – (silêncio) – Ó Deus, que pela virgindade fecunda de Maria destes à humanidade a salvação eterna, dai-nos contar sempre com a Sua intercessão, para que sejamos agraciados com a Vossa bênção e com a Vossa paz. Por nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém.
Deus nos fala
5. Leitura do Livro dos Números (6, 22-27)
6. Salmo Responsorial (66) (CD Cantando o Salmo – Ano B) Que Deus nos dê a sua graça e sua bênção. (bis)
7. Leitura da Carta de São Paulo aos Gálatas (4, 4-7)
8. Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas (2, 16-21)
Partilha da Palavra
Nossa resposta
9. Profissão de Fé Presidente – Iluminados e fortalecidos pela Palavra de Deus professemos a nossa fé. Creio em Deus Pai…
10. Preces da Comunidade Presidente – Confiantes na bondade do Senhor, supliquemos por nossas necessidades e cantemos após cada pedido: Ó Senhor, Senhor neste dia, escutai nossa prece. (DR)
Presidente – Oração pela Paz.
Presidente – Atendei o Pai, as preces que Vossos Filhos humildemente vos apresentamos. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.
11. Apresentação dos Dons
Animador(a) – No mundo inteiro, a paz é desejada e suplicada como sinal da bênção e da proteção permanente de Deus. Apresentemos ao Altar do Senhor o nosso compromisso em lutar pela paz que emana de Cristo Jesus no meio em que vivemos.
Coleta Fraterna
Ação de Graças
12. Louvação
Presidente – Louvemos ao Senhor nosso Deus por todas as pessoas que nas equipes, pastorais, movimentos, ministérios, organizações, entidades… promovem o bem, sinal de Vossa presença entre nós, cantando.
Deus nos faz irmãos
13. Pai Nosso Presidente – Na alegria de sermos todos filhos de Deus, rezemos como Jesus nos ensinou. Pai Nosso… 14. Momento da Paz Animador(a) – “A paz é um bem que supera qualquer barreira, porque é um bem de toda humanidade”. (Papa Francisco). Em silêncio, rezemos pela paz.
15. Oração
Presidente – Oremos – (silêncio) – Ó Deus, fonte de toda bênção, fizestes de Maria a Mãe de Vosso Filho Jesus, o Senhor da Paz. Alimentados pela Vossa Palavra (e pela Comunhão), concedei-nos viver cada dia do novo ano em santidade e justiça, celebrando o Vosso louvor, pelo Nome Bendito de Jesus, que vive e reina para sempre. Amém.
Deus nos envia
16. Breves Avisos
17. Mensagem de Ano Novo
Estamos no início de um novo ano e faço votos para que os diocesanos estejam bem dispostos a fazer o caminho que temos pela frente. É tempo de renovar nossa fé em Deus, aderindo com confiança aos seus desígnios sobre nós e o mundo. O novo ano será tão bom quanto nós o fizermos acontecer, com a ajuda de Deus. Não será bom se nós ou outros agirmos fora dos planos divinos. Nossas ações pessoais têm repercussões não apenas sobre nós mesmos, mas também sobre os outros e sobre o mundo. Por isso, para que o ano seja bom, é fundamental viver e agir de forma responsável a cada dia, pensando no bem de todos. No início do ano, a Igreja invoca sobre nós a bênção de Aarão, que São Francisco adotou como sua também: “O Senhor te abençoe e te guarde! O Senhor faça brilhar sobre ti a sua face e se compadeça de ti; o Senhor volte para ti o seu rosto e te dê a paz” (Nm 6,24-26). Ter Deus na vida dá serenidade e paz ao coração. Nada pode abalar quem segura firme na mão de Deus! Portanto, só me resta desejar a todos um feliz e abençoado ano novo, com a graça de Deus e nosso esforço diário!
18. Bênção
Presidente – Deus Vos abençoe e Vos guarde. Amém.
– Ele Vos mostre a Sua face e se compadeça de vós. Amém.
– Volva para vós o seu olhar e vos dê a sua paz. Amém.
– Abençoe-vos Deus Todo-Poderoso: Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.
– Maria é exemplo de fé para nós. Ide em paz e o Senhor vos acompanhe. Graças a Deus.

Meditando a Palavra de Deus
Hoje é dia 1º de janeiro! Encontramo-nos reunidos por diversas razões: celebramos a oitava do Natal, a solenidade da Santa Mãe de Deus, o Dia Mundial da Paz e o início de um novo ano. Realmente, ter tantos motivos para celebrar é uma bênção! A primeira leitura nos mostra uma antiga bênção, com a qual encerravam-se as ações litúrgicas no templo de Jerusalém. Abençoar é desejar que aconteçam coisas boas na vida de alguém. A carta aos Gálatas nos diz que o Filho de Maria nos resgata e nos torna filhos. A maior bênção de Deus Pai é Seu Filho Jesus, nascido de Maria, na plenitude do tempo messiânico, coroamento da esperança longamente guardada pelo povo. Nasceu submisso à Lei, como sua Mãe, para que nos tornássemos filhos do mesmo Pai. No Evangelho de hoje vemos Maria prestando atenção no que acontece, cumprindo as tradições de sua religião judaica e meditando no coração para acolher o recado de Deus em cada momento de sua vida. Saber contemplar a vida com o coração é arte fundamental para os que querem ser construtores de paz. É preciso pacificar o coração, educar o olhar para ver solidariamente o outro e os fatos da história, dar tempo e espaço para Deus se comunicar. Maria estava continuamente diante da face de Deus. Por isso o Senhor pode realizar nela as maravilhas que seu coração de Pai pedia. Ele também quer realizar algo muito bom em cada um de nós. Condição essencial: coração e olhos abertos para nossas próprias possibilidades, para as necessidades do próximo e para o projeto do Reino na realidade concreta de cada dia.

Você pode Gostar de:

2º Domingo do Tempo Comum (17.01)

Ano B – cor verde – 17/01/2021 1- Presidente – Queridos irmãos e irmãs em …