Página Inicial / Animação Litúrgica / 33º Domingo do Tempo Comum(15.11)

33º Domingo do Tempo Comum(15.11)

Ano A – – cor verde – 15/11/2020

1. Saudação
Presidente – Irmãos e irmãs, a Palavra de Deus nos convida a viver como filhos da sabedoria e da luz, fazendo frutificar os talentos que nos foram confiados. Como família de Deus reunida, façamos o sinal de nossa fé. Em nome do Pai…
Presidente – O Deus de ternura que nos enche de força e paz em nossa caminhada, pela ação do Espírito Santo esteja convosco. Bendito seja Deus…
Animador(a) – É Deus quem nos reúne e nos acolhe para fazermos memória da Páscoa de Jesus Cristo que se manifesta em todas as pessoas e comunidades que se colocam a serviço do crescimento do Seu Reino neste mundo. Para bem celebrar o Dia do Senhor, vamos trazer presente os acontecimentos marcantes da semana. (Recordação da vida) Permaneçamos em comunhão com todos os fiéis que participam da novena em preparação à festa de Nossa Senhora da Saúde, na esperança de permanecermos unidos a Jesus e produzir frutos de amor e bondade.
2. Deus nos perdoa
Presidente – No início desta celebração, peçamos a conversão do coração, fonte de reconciliação e comunhão com Deus e com os irmãos e irmãs. Confiantes, reconheçamo-nos necessitados do seu perdão. (Silêncio) Na esperança de sermos atendidos, peçamos perdão, cantando.
3. Hino do Glória
Presidente – Glorifiquemos a Deus, que em Jesus Cristo, nos chama a ser luz em nossa caminhada, frutificando os dons recebidos em nosso Batismo, cantando
4. Oração
Presidente – Oremos – (silêncio) – Ó Pai, confiais às nossas mãos frágeis todos os bens da criação. Ajudai-nos para que sejamos servidores incansáveis, multiplicando os frutos da Vossa providência e vigilantes, esperemos a Vossa vinda gloriosa. Por nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém.
Deus nos fala
5. Leitura do Livro dos Provérbios (31, 10-13. 19-20. 30-31)
6. Salmo Responsorial (127) (CD Liturgia VII) Felizes os que temem o Senhor e trilham seus caminhos! (bis)
7. Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Tessalonicenses (5, 1-6)
8. Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus (25, 14-30)
9. Partilha da Palavra
Nossa resposta
10. Profissão de Fé
Presidente – No Deus Uno e Trino que nos convida a participar de sua alegria, professemos nossa fé. Creio em Deus Pai…
11. Preces da Comunidade
Presidente – Ao Deus que nos dá dons e talentos para fazer crescer Seu Reino entre nós, peçamos confiantes: Após cada pedido, rezemos: Deus da vida, ouvi nossa oração.
12. Apresentação dos Dons
Animador(a) – O Reino de Deus vem a nós como dom gratuito do Pai, mas ao mesmo tempo, podemos apressar a sua vinda com o nosso trabalho, dedicação e esforço. Apresentemos ao Altar do Senhor as nossas vidas, com os dons e talentos que Deus nos concedeu, colocados a serviço dos irmãos e irmãs.
Coleta Fraterna
Ação de Graças
13. Louvação
Presidente – Louvemos ao Senhor nosso Deus pela graça de tantos dons colocados a serviço do Reino em nossa Diocese.
Deus nos faz irmãos
14. Pai Nosso
Presidente – Rezemos com amor e confiança a oração que o Senhor nos ensinou. Pai Nosso…
15. Momento da Paz
Animador(a) – A paz é fruto da nossa fidelidade e alegria de servir a Deus de todo coração, em cada irmão(ã), sem discriminação, sem preconceito. Em silêncio, rezemos pela paz.
16. Oração
Presidente – Oremos – (silêncio)- Ó Deus, restaurados em Vossa Mesa pelo Pão da Palavra (e pela Comunhão), nós Vos pedimos que este alimento da caridade fortifique os nossos corações e nos leve a vos servir em nossos irmãos e irmãs. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.
Deus nos envia
17. Breves Avisos
18. Bênção
Presidente – O Senhor esteja convosco: Ele está no meio de nós. – Abençoe-vos Deus Todo-Poderoso: Pai e Filho e Espírito Santo. Amém. – Ide em paz e que o Senhor vos acompanhe. Graças a Deus.

 

Meditando a Palavra de Deus
O poema da mulher virtuosa apresenta alguns valores do trabalho, do compromisso, da generosidade, do “temor de Deus”. Não são valores só da mulher virtuosa, mas de todo o discípulo que quer viver na fidelidade ao Projeto de Deus e corresponder à missão que Ele lhe confiou. Esses valores devem ser cultivados para que a vida não seja desperdiçada, mas conduzida com sabedoria. Na segunda leitura São Paulo deixa claro que o importante não é saber quando virá o Senhor Jesus pela segunda vez, mas é estar atento e vigilante, vivendo de acordo com os seus ensinamentos, testemunhando o Seu Projeto, empenhando-se ativamente na construção do Reino. O texto do Evangelho de hoje, conhecido como a parábola dos talentos, aborda o tema da segunda vinda de Jesus no fim dos tempos e define a atitude com que os discípulos devem esperar e preparar essa vinda. O patrão da parábola é Deus. Ele confiou seus bens a cada um conforme sua capacidade. O grande tesouro a nós confiado foi o seu Reino para que o façamos frutificar. O servo infiel não produz fruto por medo e pela ideia errada que ele tem de Deus. Jesus apresenta Deus como misericórdia e bondade. O servo bom e fiel compreende isto, pois luta pela justiça do Reino, enfrenta os riscos, fazendo frutificar seus talentos. Jesus ressuscitado subiu ao céu, donde voltará. Deixou a nós, cristãos, a tarefa de sermos suas testemunhas e continuadores da missão que Ele mesmo recebeu do Pai, de salvar a humanidade (At 1,6-11). Por isso, não desperdicemos os talentos que são de Deus, a nós entregues com confiança. Os talentos que recebemos são muito valiosos e de grande responsabilidade de todo batizado, pois enterrá-lo é privar nossos irmãos de um dom que é d’Ele e do qual somos apenas administradores. A parábola de hoje quer nos mostrar como devem agir os que receberam a responsabilidade do Reino da Justiça, trazido por Jesus. Como estamos administrando os dons (talentos) que Deus nos dá? Estamos fazendo-os frutificar?

Leituras da Semana
2ª feira: Ap 1,1-4;2,1-5a; Sl 1; Lc 18,35-43
3ª feira: Ap 3,1-6.14-22; Sl 14; Lc 19,1-10
4ª feira: Ap 4,1-11; Sl 150; Lc 19,11-28
5ª feira: Ap 5,1-10; Sl 149; Lc 19,41-44
6ª feira: Ap 10,8-11; Sl 118; Lc 19,45-48
Sábado: Zc 2,14-17; Sl 143; Mt 12,46-50
Domingo: Ez 34,11-12.15-17; Sl 22; 1Cor 15,20-26.28;
Mt 25,31-46

Você pode Gostar de:

29º Domingo do Tempo Comum(18.10)

29º Domingo do Tempo Comum Ano A – – cor verde – 18/10/2020 Ritos Iniciais …